Pastor preso por importunação sexual em mulher que dormia dentro de ônibus de viagem disse que ‘caiu em tentação’

Um pastor, de 59 anos, foi preso em flagrante na manhã desta segunda-feira (21) suspeito de ter cometido o crime de importunação sexual, na cidade de Rio Casca, na Região da Zona da Mata de Minas Gerais. O homem estava dentro de um ônibus que saiu de Vitória (ES) com destino a Belo Horizonte.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi chamada pelo motorista do veículo após uma passageira, de 39 anos, contar que estava dormindo quando sentiu o homem colocar a mão dentro da calça dela.

Quando questionado pelos policiais rodoviários, o pastor admitiu que cometeu o ato para satisfação pessoal. Ele tentou se justificar dizendo que “estava há 20 anos sem uma mulher e por isso caiu em tentação”. A informação é da PRF.

A vítima e o autor foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Ponte Nova, que confirmou a prisão em flagrante e instaurou um inquérito para apurar o fato.

Pastor é suspeito de importunação sexual em mulher que dormia dentro de ônibus de viagem — Foto: Divulgação/PRF
 Foto: Divulgação/PRF