TRE reverte indeferimento da candidatura de Bruno Marini em Barra Mansa

Foto: Divulgação

O candidato a prefeito pela coligação Prosperidade Barra Mansa, Bruno Marini, teve na tarde desta quinta, dia 29 de outubro, seu registro de candidatura deferido após recurso ser votado em sessão online do Tribunal Regional Eleitoral.

O relator acompanhou o parecer favorável da procuradora substituta do Ministério Público Eleitoral– (MPE), Neide Cardoso de Oliveira, concedido no dia 24 de outubro.

De acordo com Bruno Marini, a motivação da denúncia do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e da decisão da juíza da 94ª Zona Eleitoral de Barra Mansa, Flávia Fernandes de Melo Balieiro Diniz, foi política, visto que sua certidão já tinha sido concedida ao Partido Social Democrático (PSD) dentro do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral após convenção eleitoral.

“Tenho certeza de que nossa campanha está no rumo certo. Nós iríamos até a última instância para preservar o direito de o povo escolher seu governante. Afinal, apresentamos e foram aceitas todas as certidões necessárias no processo democrático. Infelizmente existem pessoas interessadas em nos tirar do pleito de qualquer jeito”, explicou Marini.

Visita a fábrica

O candidato a prefeito de Barra Mansa pelo PSD, Bruno Marini,  garantiu em conversa com funcionários de uma empresa de grande porte que seu governo fará planejamento para a realização das obras na cidade, com a participação da comunidade opinando sobre as prioridades das ações.

De acordo com Bruno, a política praticada no município há mais de 50 anos é a realização de obras nos últimos meses de mandato do prefeito, tumultuando a vida das pessoas e executando serviços às pressas.