Câmara de Itanhandu inaugura sala de acessibilidade

Estrutura permite que idosos, cadeirantes e pessoas com dificuldade de locomoção passam ter acesso ao plenário da Câmara Municipal

Foto: Jornal Panorama

Uma Casa do povo, para o povo. Foi inaugurada, simbolicamente, no dia 21 de dezembro, a Sala de Acessibilidade Vereador Edson Galvão Franco da Rosa, com plataforma elevatória que permite acessibilidade a todos os itanhanduenses ao plenário da Câmara Municipal de Itanhandu. A inauguração aconteceu de forma restrita aos vereadores e familiares do homenageado.

O presidente da Casa, vereador Cleberson José Guimarães Gonçalves, falou sobre a importância da obra. “O evento era pra ter acontecido em março, mas por conta da pandemia não foi possível. Gostaria de agradecer ao prefeito Evaldo, pois essa sala era da secretaria de Saúde. Assim que assumimos a presidência, procurei o Evaldo e falei sobre a necessidade, porque cadeirante não pode acessar a Câmara. Como que a Casa do povo restringe a presença de alguém? Isso era inaceitável. O Evaldo cedeu a sala pra Câmara, passou em documento e hoje este espaço faz parte do patrimônio do Legislativo e nós fizemos essa reforma. Uma obra barata em vista do benefício que ela traz à nossa sociedade. Talvez um dia tivéssemos um vereador eleito que não pudesse trabalhar; mais que isso, a população não poder acessar o plenário da Câmara era de uma covardia enorme. Isso é uma conquista, todos os vereadores têm parte”, afirmou o presidente Cleberson.

O homenageado foi o saudoso Edson Galvão Franco da Rosa. Edson foi professor, diretor escolar e um dos que lutaram pela criação de uma escola estadual no município, hoje Escola Estadual Professor Souza Nilo, da qual também foi diretor. Foi vereador e presidente da Câmara Municipal, quando instaurou a Lei Orgânica, o Estatuto do Servidor e o Estatuto do Magistério. O descerramento da placa de inauguração foi feito por dois de seus filhos, Wagner e Graciema. A primeira viagem da plataforma elevatória foi feita pelo paratleta Pedro Henrique Gomes.

No plenário Legislativo, os vereadores expressaram palavras de gratidão a todo o trabalho realizado pelo vereador Edson Galvão Franco da Rosa. Graciema, filha do homenageado e primeira-dama, Wagner, também filho de Edson, e o prefeito Evaldo deixaram palavras em homenagem ao saudoso vereador.

Lançamento da nova edição da Lei Orgânica do município

Ainda durante a solenidade, foi apresentada a nova edição da Lei Orgânica de Itanhandu. O documento foi formulado pela primeira vez em 1990, quando o vereador Edson Galvão Franco da Rosa era presidente da Câmara Municipal, uma coincidência que marcou a sessão.

 “A Lei Orgânica continua sendo de 1990, porém agora ela tem a emenda nº 016 de 23 de novembro de 2020. Ela foi apenas atualizada. É uma alegria lançar a nova versão da Lei Orgânica no mesmo dia em que homenageamos o vereador Edson Galvão Franco da Rosa”, afirmou o presidente da Mesa Diretora, vereador Cleberson.

Foto: Jornal Panorama

Por Juliana Carvalho