Djalma Bastos de Morais, ex-ministro e ex-presidente da Cemig, morre vítima da Covid-19

Djalma Bastos de Morais, ex-ministro e ex-presidente da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), morreu nesta sexta-feira (25) no Rio de Janeiro. Ao 83 anos, ele foi vítima da Covid-19.

Alagoano, era formado em engenharia das comunicações pelo Instituto Militar de Engenharia (IME). Ele foi o executivo que mais tempo ficou na presidência da Cemig, entre 1999 e 2015. A companhia divulgou uma nota de pesar, prestando condolências e solidariedade à família.

Djalma Bastos de Morais também foi ministro das Comunicações no governo Itamar Franco, na década de 1990. Ele ainda foi executivo da Telemig. Ele deixa a mulher, Maria Tereza, além de filhos e netos.

Djalma de Morais morre vítima da Covid-19 — Foto: Reprodução/TV Globo
Foto: Reprodução