Ônibus de empresa de Carazinho se envolve em acidente em SP

O ônibus da empresa Helios Coletivos e Cargas, de Carazinho, se envolveu em um acidente, na noite de segunda-feira (21) em São Paulo. Segundo informações, 7 pessoas morreram e 32 ficaram feridas. O ônibus que saiu do Pará, com destino ao Rio Grande do Sul, colidiu contra um caminhão. A polícia investiga o acidente.

De acordo com a empresa, o ônibus tinha 39 passageiros e dois motoristas. Nove continuam hospitalizados, sendo um em estado grave. Entre os mortos estão quatro passageiros, um motorista e dois irmãos que estavam no caminhão.

Lista de vítimas divulgada pela Helios

  • Washington Pereira dos Santos: motorista do ônibus, natural de Anapólis (Goiás)
  • Cláudio de Lima de Olivio: passageiro do ônibus, natural de Palmital (Paraná)
  • Tiago Sérgio Von Dentz: passageiro do ônibus, natural de Guarujá do Sul (Santa Catarina)
  • Maria José da Silva: passageiro do ônibus, natural de Lucas do Rio Verde (Mato Grosso)

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o transporte de linha regular, com placa de Pelotas, iniciou viagem em São Félix do Xingu e seguia para Carazinho, onde chegaria nesta terça (22), às 17h. O acidente aconteceu por volta das 21h10 na Rodovia Assis Chateaubriand, próximo à cidade de Parapuã, a 660 km de São Paulo.

A viagem levaria dois dias e 14 horas, de acordo com a empresa de ônibus.

A Helios confirmou que o ônibus envolvido no acidente é da empresa São Jorge, de Pelotas, e foi contratado por ela.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) informou que empresa Hélios Coletivos e Cargas está habilitada para prestação do serviço regular interestadual de passageiros para operar a ligação de São Félix do Xingu (PA) – Carazinho (RS). Com relação ao veículo que se envolveu no acidente, a agência comunicou que “ele consta como inativo no sistema da ANTT e está com Certificado de Segurança Veicular vencido, ou seja, não poderia estar sendo utilizado pela empresa”.

Segundo a Helios, o documento está em dia e vence em outubro de 2021. A linha que o veículo fazia existe há mais de 40 anos, ainda conforme a empresa. A Helios informou que o modelo do ônibus é do ano 2017/2018 e não apresenta irregularidades.

A empresa informou que está prestando toda assistência aos clientes e desde ontem uma equipe está no local. Um ônibus já está no interior de São Paulo para buscar os passageiros.

Segundo a empresa, foi uma colisão frontal. A rota é regular, de mais de 3,4 mil quilômetros.

Foto: Paula Sieplin/TV Fronteira