Polícia Civil investiga estupro de criança e de jovem com deficiência mental em Angra dos Reis

A Polícia Civil está investigando um caso de estupro de vulnerável em Angra dos Reis. Os agentes já identificaram o suspeito de ter abusado de um menino de oito anos e do irmão dele, 21, que tem um tipo de deficiência mental.

O crime aconteceu essa semana na praia do Bananal, na Ilha Grande, onde vive a família. A mãe das vítimas contou aos policiais que, na quarta-feira (16), estranhou o comportamento do filho mais velho e suspeitou que um vizinho pudesse ter feito algo com ele.

Segundo a Polícia Civil, no mesmo dia, o pai dos garotos viu o homem agarrando o filho mais novo, de oito anos, e colocando a mão dentro do short dele. Ao ser flagrado, o suspeito fugiu por uma mata.

Os pais das vítimas registraram o caso na delegacia, que iniciou a investigação. Policiais fizeram buscas pelo suspeito, mas não o encontraram.

Até a publicação desta reportagem, o homem continuava sendo procurado.

Enseada do Bananal - Ilha Grande - Angra dos Reis - RJ - Brasil