Kalil tem salário mais alto entre prefeitos de capitais no país

Prefeito Alexandre Kalil (PSD) tem o maior salário entre os prefeitos das capitais. Foto de arquivo. — Foto: Raquel Freitas/G1
 Foto de arquivo. — Foto: Raquel Freitas

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) tem o maior salário entre os prefeitos de capitais, como mostrou um levantamento nacional feito pela reportagem. O gestor recebe o valor bruto de R$ 31.061,47.

O último reajuste do cargo foi feito no final de 2016, durante a gestão do ex-prefeito Marcio Lacerda (PSB), que aumentou o salário quase 26% de uma só vez. Antes, a remuneração do prefeito era de R$ 24.721,25.

Salário bruto de prefeitos de capitais  — Foto: Arte/G1

Depois de Belo Horizonte vem Curitiba (PR), onde o prefeito Rafael Greca (DEM) recebe R$ 28.358,78. O terceiro salário mais alto é de Gean Loureiro (DEM), em Florianópolis (SC), R$ 27.740,11.

A média nacional é de R$ 22.685,93 e o salário pode variar até 76% dependendo da cidade. O valor mais baixo, R$ 17.620,89, é o do prefeito de Rio Branco (AC). Entre as 26 capitais, cinco tiveram aumento nos últimos 12 meses.

Salários dos 26 prefeitos das capitais — Foto: Wagner Magalhães/G1

Salários dos vereadores

Os vereadores de Belo Horizonte, atualmente, recebem salário bruto de R$ 18.402,02. O último reajuste foi feito há um ano, em janeiro de 2020. Antes, os parlamentares recebiam R$ 17.642,33.

De acordo com a Câmara Municipal, a correção no valor do subsídio foi atualizada “por força da Lei Municipal nº 11.016 de 30 de dezembro de 2016”. Ainda segundo a Casa, não haverá reajuste do valor na atual legislatura.

Em média, os vereadores do país recebem R$ 22.685,93. Veja os salários em todas as capitais no infográfico abaixo:

Salário dos vereadores de capitais em janeiro de 2021 — Foto: Wagner Magalhães / G1

Por Thaís Leocádio