Ubatuba aponta problemas na coleta de lixo nos bairros, notifica consórcio e ameaça romper contrato

O município de Ubatuba tem apresentado problemas na coleta de lixo nos bairros. Nesta quinta-feira (14/1), a Prefeitura de Ubatuba informou que o Consórcio Ubatuba Ambiental, que engloba três empresas, foi notificada para que a situação seja resolvida. O documento alega inexecução parcial do contrato, ou seja, somente uma parte do combinado vem sendo cumprida, prejudicando todas as regiões da cidade.

De acordo com a Secretaria de Administração, a postura do consórcio perante a coleta regular de lixo vem causando sérios transtornos à população, inclusive, com risco à saúde pública tendo em vista as peculiaridades dos serviços contratados. Agora, a Prefeitura espera a resposta das respectivas empresas, com suas justificativas para análise e, posteriormente, dará prosseguimento ao protocolo. “Precisamos aguardar que as empresas se manifestem e apresentem suas justificativas para o problema, porém, estão cientes de que estão passíveis a multa e, em caso mais extremo, rompimento com o contrato”, explicou o secretário de Administração, Adriano Campos.

O consórcio é integrado pelas empresas Sanepav Saneamento Ambiental, Resitec Serviços Industriais e Engep Ambiental. A reportagem  entrou em contato com o consórcio e aguarda o posicionamento.

Foto: PMU

Por Radar Litoral