Moradores de SP fazem panelaço contra Bolsonaro no dia em que país registrou mais de 3 mil mortes por Covid-19

Moradores de São Paulo fizeram um panelaço contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na noite desta terça-feira (23). São Paulo registrou mais de mil mortos por Covid-19, pela primeira vez desde o início da pandemia, e o Brasil, mais de 3 mil óbitos.

Bolsonaro fazia um discurso em rádio e televisão sobre vacinação no momento do panelaço. O motivo da manifestação é a falta de medidas do governo federal para combater a Covid.

Aos gritos de “fora, genocida”, e “fora, incompetente”, os moradores foram às janelas nos bairros dos Jardins, Santa Cecília, Higienópolis, Perdizes, Pompéia, Vila Mariana , Saúde, Alto de Pinheiros, Vila Andrade, Morumbi, República, Santana, Ipiranga, Anália Franco, Campo Limpo, Vila Leopoldina, Vila Mascote, Barra Funda, entre outros.

Também houve projeções nas fachadas dos prédios da cidade com imagens de Bolsonaro e a frase “fora, genocida”.

Projeção durante panelaço em Alto de Pinheiros, Zona Oeste de São Paulo — Foto: Arquivo pessoal
 Foto: Arquivo pessoal