Mulher é morta pelo ex-companheiro na Vila Americana em Volta Redonda

No final da noite de sábado (dia 27) em Volta Redonda, onde a balconista Jéssica de Moraes Moreira, de 29 anos, foi assassinada a tiros pelo ex-companheiro Wellington Coelho Ferreira, que foi preso pouco depois. A mulher levou tiros na cabeça e no peito. O ex-companheiro dela, segundo a polícia, não aceitava o fim do relacionamento e matou Jésisca na Rua Venezuela, na Vila Americana.

Policiais militares prenderam Wellington quando ele tentava fugir dirigindo um Onix branco. Ao perceber que seria abordado pelos policiais, ele jogou pela janela do carro uma arma com nove munições deflagradas. Segundo os policiais que o prenderam, Wellington confessou o crime. Ele teve a prisão confirmada na manhã passada pela Justiça.

No início deste mês, precisamente no dia 6, a balconista registrou uma ocorrência na delegacia de Volta Redonda e conseguiu uma medida protetiva da Justiça.

Segundo a ordem judicial, Wellington estava proibido de se aproximar da ex-companheira. No dia 21 deste mês, uma semana antes de ser assassinada, Jéssica fez outro boletim de ocorrência, desta vez na delegacia de polícia de Barra do Piraí, informando que estava sendo seguida por Wellington na Rodovia Lúcio Meira, na Califórnia, distrito de Barra do Piraí.

O corpo de Jéssica foi sepultado no final da tarde deste domingo (dia 28), no Retiro.