Até quando iremos ser chacota do Vale do Paraíba

Cruzeiro – Ana Karin de Andrade ao saber que seu mandato foi suspenso por determinação do TJSP (Tribunal de Justiça de São Paulo) se encaminhou a capital paulista com seus advogados para tentar reverter a decisão e retomar a frente do executivo municipal.

Faltando 36 dias para terminar seu mandato, Ana Karin não quer sair do cargo cassada pela Justiça. Isso poderá trazer problemas políticos a ela, já que seu intuito é ser candidata a deputada estadual.

Ana Karin em seu segundo mandato como prefeita, conseguiu conquistar um rombo nos cofres públicos, e uma rejeição de 90% de popularidade.

Os eleitores de Cruzeiro, achavam que Ana Karin seria a salvação da lavoura, já que ela chegou na cidade dizendo ser diretora da Embratur, amiga pessoal da família Sarney e com grande relacionamento na política nacional.

Com o passar dos dias, os eleitores puderam ver que tudo que foi pintado por ela, perdeu as cores e suas garras foram aparecendo.

A cidade caiu em um caus, pessoas que não são gabaritadas a determinados cargos públicos foram colocados para administrar juntamente com Ana Karin.

O nome de Cruzeiro foi achocalhado, a cidade ficou famosa não por sua paisagem e seu destaque na Revolução de 1932. E sim pelo entra e sai de prefeito, perseguições, difamações, ódio, vingança entre outros atributos que nossos leitores estão liberados a destacar.

Homens e mulheres sem caráter, bajuladores especializados, que infelizmente foram trazidos ou depositados em Cruzeiro, para se fartar da farra que aqui se instalou.

Até mesmo cruzeirenses que adentraram pela porta da frente da Prefeitura, mansos como cordeiros e se transformaram em lobos ou feras sanguinárias.

Esses cruzeirenses esqueceram que Ana Karin mesmo sendo cruzeirense, não tem mais elo e carinho por nossa cidade, pois sua vida profissional não foi construída na terra de seus familiares.

Para retornar a posição, Cruzeiro levará de 10 a 15 anos para esquecer o vendaval chamado Ana Karin e sua galera.
Achamos que uma mulher cheia de charme iria trazer a Cruzeiro, um charme especial, uma representante digna de sentar a mesa de grande políticos e lembrar que esse povo sofrido precisava de ajuda, já que o cajado estava em suas mãos.

Fico triste em escrever isso, achei que minha cidade onde nasci e moro a 45 anos conhecida a capital do Vale Histórico estava em boas mãos, mesmo eu não votando em Ana Karin. Não estou aqui para defender ninguém e não ganho para isso, mas Rafic Simão está pegando uma bomba para administrar por 36 dias. E Thales Gabriel que foi eleito como novo prefeito para 2017 terá que suar para tentar tapar o buraco.

Mas como já conheço Gabriel, ele irá jogar limpo com a população e mostrará a todos a situação verdadeira de Cruzeiro em todos os setores principais que regem a administração pública. Como somos brasileiros e cruzeirenses, não iremos deixar nossa cidade se sucumbir, vamos a luta cruzeirenses.

Vamos levantar, e mostrar a Ana Karin que não somos um povo desunido e que nossa luta não terminou. Pedimos a estes advogados que postam suas posições nas redes sociais que solicite da OAB que entre com pedido no Ministério Público e faça uma varredura nas contas da prefeitura, da Ana Karin e de todos que se aglomeraram com ela para que nossa cidade chegasse a esse ponto.

E que os culpados sejam processados e presos, não precisamos que Sérgio Moro venha a Cruzeiro dar inicio a revolução da limpeza, pois temos promotores, juízes e advogados capacitados para isso.
Pedimos urgente “Operação Dias Melhores”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.