Advogada é detida passando cigarro de maconha para presa em Tremembé, SP

Marcus Alvarenga – Uma advogada foi detida em flagrante ao entregar um cigarro de maconha para uma presidiária, de 26 anos, durante um atendimento particular na Penitenciária Feminina 2 de Tremembé, na tarde desta quinta-feira (22).

Segundo a SAP (Secretaria de Administração Penitenciária), o caso ocorreu por volta das 15h30, dentro do parlatório prisional, espaço onde presos são atendidos por seus advogados.

Uma agente penitenciária interrompeu o atendimento ao notar os movimentos da advogada, que tentava disfarçar ao tentar entregar a droga pelas grades. A detenta passou por uma revista, sendo encontrado o cigarro de maconha em suas roupas íntimas.

As duas mulheres foram encaminhadas para a delegacia de Tremembé para o registro do Boletim de Ocorrência e permaneceram a disposição da Justiça.

A direção da Penitenciária Feminina 2 de Tremembé instaurou Procedimento Disciplinar Apuratório e comunicou a ocorrência para a OAB de Tremembé e para o Deecrim (Departamento Estadual de Execuções Criminais) de São José dos Campos.

Foto: Divulgação/SAP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.