Polícia prende 2 homens suspeitos por ataques à delegacia em Guaratinguetá, SP – A Gazeta

Polícia prende 2 homens suspeitos por ataques à delegacia em Guaratinguetá, SP

Dois homens suspeitos de participarem dos ataques realizados à Delegacia de Guaratinguetá foram presos pela polícia em uma operação realizada nesta sexta-feira (6).
Os suspeitos, de 23 e 29 anos, foram localizados no Residencial Santa Mônica, onde a operação ocorreu. Segundo a polícia, eles foram identificados após investigação.

“A Justiça decretou a prisão temporária de cinco dias e montamos a operação para prendê-los e também para dar mais segurança para a população do residencial”, disse o delegado Hélio Francisco Borges Medeiros.

A operação contou com o reforço de policiais de cidades de Cruzeiro e de São José dos Campos e começou no final da tarde de sexta.

Além dos dois homens, a polícia acredita que outros dois participaram da ação. Um deles já está preso e o outro foragido.

Ataques
Segundo a polícia, o prédio da delegacia foi alvo de disparos na tarde do último domingo (1º) e de bombas na madrugada da segunda-feira (2). O local estava fechado no momento da ação. Ninguém ficou ferido.
Ainda de acordo com a polícia, o crime foi descoberto quando a fumaça das bombas chamou atenção dos vizinhos, que acionaram os bombeiros e peritos foram ao local. Eles encontraram cinco marcas de tiro na porta de entrada da delegacia.
A Polícia Civil suspeita que o ataque seja uma retaliação de criminosos, já que na noite anterior, no dia 31 de dezembro, um homem armado foi morto em confronto com a polícia no Jardim Primavera – área do distrito policial. A vítima tinha várias passagens pela polícia por tráfico de drogas.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.