Prefeitura de Lorena, SP confirma o primeiro caso de Zika na cidade

A Prefeitura de Lorena informa que foi confirmado pelo Instituto Adolfo Lutz o primeiro caso de zika vírus contraído por uma moradora da cidade. A mulher tem 39 anos e terá sua identidade preservada.
Conforme protocolo de zika, a nebulização foi realizada em menos de 48 horas na região onde o caso foi registrado. Com o registro do primeiro caso confirmado, o município é classificado como estado de alerta para ZIKA VÍRUS, uma vez que possui o primeiro caso autóctone da doença.

A Secretaria Municipal de Saúde continua com as atividades de vigilância e controle de vetor, visando informar e orientar a população, além de acompanhar a evolução de todos os casos envolvendo doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti.

A Secretaria de Saúde também alerta sobre os cuidados, entre eles: Eliminação de criadouros do Aedes aegypti; Uso de repelentes em áreas expostas, principalmente gestantes e grupos de risco; Telar ralos externos e janelas e portas;
É importante que os moradores recebam os agentes de saúde em suas residências para vistoria.

Assim, a população será melhor orientada e os riscos de proliferação do mosquito serão reduzidos. Nos dias 10 e 11 de janeiro, as equipes atuarão nos bairros Parque Rodovias e Jardim Margarida. O cronograma dos próximos dias será divulgado nos canais oficiais da Prefeitura.

Desde o início deste ano até o mês de abril, a equipe de combate a endemias receberá o apoio da equipe das Forças Armadas (5º BIL), atuando juntamente com a equipe de Agentes Comunitários de Saúde, de segunda a sexta-feira.

Aos sábados também serão realizadas atividades de inspeção nas residências.  Não há como vencer o mosquito sem que cada um faça sua parte. Todos juntos contra o Aedes aegypti!
Fonte: PML

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.