Ejaculador é preso novamente em São Paulo

A tenente Sthéfany Cantóia, que participou da prisão de Diego Ferreira Novais, diz que o sentimento é de indignação.

Em entrevista à Bandnews FM, a policial militar conta que o agressor não resistiu à prisão depois de ser flagrado atacando uma mulher dentro de um ônibus nesta manhã, na Avenida Brigadeiro Luís Antônio.

Segundo ela, ele afirmou que tem problemas mentais e que embarcou no veículo com a intenção de atacar uma mulher.

O homem se posicionou ao lado da vítima que estava sentada e colocou o pênis para fora da calça, passando no braço dela.

Diego havia sido detido na terça-feira por atacar uma mulher na Avenida Paulista, mas foi solto por decisão da justiça.

Fotos: WhatsApp

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.