Empresário de turismo que deu golpe em Cruzeiro, SP é preso em SC

Redação – Uma mulher moradora em Passa Quatro, MG, estava passeando em Camburiú em Santa Cataria, quando avistou o ex-empresário e golpista Marcelo Zeferino Maria, 43 anos, o reconhecendo como o golpista, e estaria trabalhando como cozinheiro de um restaurante, onde a mulher estava hospedada.

A mulher entrou em contato com a DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Cruzeiro, onde o delegado Sandro Franqueira Ramos de imediato acionou a policia de Camburiú.

Marcelo quando soube que tinha pessoas de passa quatro no hotel, pedindo demissão. Mas a açao da policia foi mais rápida e ele foi preso em flagrante na data de hoje (11) pela policia de Santa Catarina.

Marcelo será transferido para Cruzeiro, onde ira responder pelos crimes ao qual esta sendo acusado.

O caso:

A agência West Turismo, localizada na Avenida Nesralla Rubez no centro de Cruzeiro, deixou seus clientes na mão. Desde sábado (21/06/15) pela manhã, a agência não abriu suas portas, isso deixou seus clientes preocupados, já que na mesma data a noite eles teriam que embarcar rumo a Costa do Sauípe, na Bahia.

Segundo informações de clientes, nem mesmo o telefone do proprietário Marcelo estava funcionando. Informações deram conta de que outras pessoas também foram lesadas pela agência. A alguns anos no ramo de turismo em Cruzeiro, a West a algum tempo já estava deixando alguns clientes chateados, pois não estava cumprindo com suas obrigações.

Somente os clientes que iriam para Costa do Sauípe, na Bahia, cerca de 300,00 mil reais foram embolsados pela empresa. Nossa reportagem conversou com um pedreiro que pagou 3.000 pela viagem, achando que iria ser a viagem dos sonhos, mas na verdade virou um pesadelo.

A agência tem como um dos proprietários Marcelo, que desapareceu desde sábado. Ainda na madrugada de domingo, mais de setenta pessoas compareceram ao DP para registrar Boletim de Ocorrência contra a agência. As paginas de redes sociais da agência foram retiradas do ar, e segundo consta duas cartas foram entregues a Policia, onde Marcelo alega o motivo ao qual desapareceu.

 Fotos: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.