Unimed Cruzeiro é lacrada pela ANS, e está oficialmente proibida de atender a população

Redação – Desde o inicio da tarde de ontem (16) agentes da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) estiveram na sede da Unimed Cruzeiro, localizado no centro da cidade para a intervenção da unidade

O Laboratório de Análise, o Ambulatório e a cooperativa foram fechados com a chegada dos agentes e atenderam seus conveniados. Cerca de 80 funcionários esrão suspensos de suas funções.

Nesta manhã de hoje (17) a ANS já comunicou oficialmente a intervenção da unidade de Cruzeiro, onde ratificou que os beneficiários têm o prazo de 60 dias, de portabilidade extraordinária, para aderirem a outro plano de saúde, uma vez que a Unimed de Cruzeiro não poderá atender, já que ANS já trata a mesma como ex-operadora.

Através de publicação do diário oficial no dia 16 de outubro, a agência comentou que o fechamento da cooperativa aconteceu devido a anormalidades econômico-financeiras e questões gravíssimas na administração da entidade, o que acarretou a Intervenção e decretação de Liquidação Extrajudicial.

Desde de manhã a sede da entidade está vazio, contando apenas com o porteiro. Os carros, ambulância, imobiliários, móveis e materiais estão sob o poder da ANS para garantir a liquidações extrajudiciais.

Entenda o que é liquidação extrajudicial

Existem algumas empresas que, pela importância da atividade que desenvolvem, têm seu funcionamento fiscalizado por órgãos governamentais, podendo, inclusive, sujeitar-se ao regime de liquidação extrajudicial. É o caso das seguradoras e das entidades de previdência privada aberta (fiscalizadas pela Susep), dos bancos e demais entidades financeiras (fiscalizadas pelo Banco Central) e dos planos de saúde (fiscalizados pela ANS).

Caso a empresa comece a dar sinais de instabilidade financeira, o órgão governamental que a monitora pode decretar sua liquidação extrajudicial – procedimento que visa a recuperar a empresa, tentando evitar a falência.

 

Foto: Portal Mix Vale

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.