Vereador Cleber de Lavrinhas, SP diz que Ruggeri em total descontrole emocional e desequilíbrio o manda para cavidade retal

Na semana passada o que se passou a situação política do prefeito de Lavrinhas, Sérgio Ruggeri (PTB), que já era tão boa veio a piorar ainda mais.

Conforme noticiamos na semana anterior, o vice-prefeito de Lavrinhas, José Benedito da Silva, o popular “Zezinho do Açougue”, anunciou publicamente o seu rompimento político com o prefeito Sérgio Ruggeri; o qual, resumidamente, teria lhe isolado e virado as costas.

Já nessa semana, na sessão ordinária que ocorreu na Câmara Municipal de Lavrinhas no dia 18 de outubro, os vereadores mandaram um duro recado ao prefeito Sérgio Ruggeri.

No transcorrer da sessão, em especial nas falas dos vereadores Moisés (Ivaldo Moises da Silva – PMDB) e Cléber (Jose Cléber da Silva Junior – PSDB), o tom dos discursos foi de que a tolerância dos vereadores quanto a má administração do prefeito Sérgio Ruggeri (PTB) chegou ao fim.

O discurso do vereador Moisés (Ivaldo Moises da Silva – PMDB) se restringiu mais às deficiências da atual administração municipal quanto ao atendimento da população, em especial quanto ao atendimento da Saúde e na área social.

O ponto alto da sessão de Câmara foi o discurso do vereador Cleber, o qual além de vereador é também cunhado do próprio prefeito Sérgio Ruggeri (PTB).

Em seu discurso, o vereador Cleber (PSDB) afirmou que na semana anterior procurou o prefeito Sérgio Ruggeri para discutir questões de ordem administrativa, em especial quanto a questões de alteração de jornada de trabalho de alguns funcionários da educação.

Segundo   afirmou o vereador Cleber Silva(PSDB), apesar de toda a distinção que sempre dispensou no trato da pessoa do prefeito, de forma inesperada, em total descontrole emocional e desequilíbrio, o prefeito Sérgio Ruggeri (PTB) passou A SE REFERIR AOS MUNÍCIPES lavrinhenses COM PALAVRAS DE DESPREZO, bem como também A SE REFERIR AOS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS MUNICIPAIS com PALAVRAS DEPRECIATIVAS.  O ápice do descontrole, segundo   afirmou o vereador Cleber (PSDB) em seu discurso da tribuna, foi quando o prefeito Sérgio Ruggeri (PTB) PASSOU A OFENDER O PRÓPRIO VEREADOR, chegando ao cúmulo de mandar que os mesmos fosse “TOMAR NO C*”.

Segundo o vereador Cleber (PSDB), é inadmissível a conduta de falta de educação e TOTAL DESRESPEITO DO PREFEITO Sérgio Ruggeri (PTB), tanto para com a sua pessoa, que como vereador é também uma autoridade legalmente constituída, quanto sobretudo quanto aos funcionários públicos municipais e cidadãos lavrinhenses em geral.  Ainda segundo o vereador, o prefeito tem que se empenhar e se dedicar é em administrar bem o município, pois a atual administração vem gastando quase o mesmo da administração passada, mas mesmo assim faltam remédios nos postinhos, a distribuição de cestas básicas caiu muito e etc.. O vereador enfatizou a falta de atenção da atual administração com as pessoas mais humildes e necessitadas, destacando ainda que o prefeito parece se ater mais a punir os funcionários públicos, do que a cumprir à risca os direitos, dar atenção e conceder benefícios a esses funcionários. Em suma, o vereador cobrou uma atuação mais humana e presente do prefeito Sérgio Ruggeri (PTB).

Ambos os vereadores Moisés (Ivaldo Moises da Silva – PMDB) e Cleber (Jose Cleber da Silva Junior – PSDB) deixaram claro que as desculpas de adaptação da atual administração não são mais aceitáveis, considerando que já estamos indo para quase onze meses de governo.  Os descompassos, os “errinhos” e a falta de atenção com a população não serão mais tolerados, doravante, pelos vereadores.

No decorrer da mesma sessão, com os votos favoráveis dos vereadores Moisés (Ivaldo Moises da Silva – PMDB), Cleber (Jose Cleber da Silva Junior – PSDB), Marcos Vinicius (Marcos Vinicius Franqueira Garcia – PSD), Ocimara (Ocimara Pereira de Lima – PSC) e Naldinho (Reinaldo Paulo Pereira – PSDB), foram aprovados em plenário 04 (quatro) requerimentos de informação a serem respondidos pelo prefeito Sérgio Ruggeri (PTB), estes referentes a  GASTOS COM MEDICAMENTOS (Req. 37/2017- de autoria dos vereadores Cleber, Moisés e Ocimara),  ao CONTROLE DA FROTA DE VEÍCULOS DA PREFEITURA (Req. 41/2017- de autoria dos vereadores Moisés, Ocimara e Marcos Vinicius), COMPRA DE ÓLEO LUBRIFICANTE PELA PREFEITURA  (Req. 42/2017- de autoria dos vereadores Moisés, Ocimara e Marcos Vinicius) e INFORMAÇÕES SOBRE A RUA DARCY SODERO HORTA, NO BAIRRO DO VILAGE CAMPESTRE  (Req. 43/2017- de autoria dos vereadores Moisés, Ocimara e Marcos Vinicius).

Tomara que o  prefeito Sérgio Ruggeri (PTB)  entenda o recado dado pela Câmara Municipal de Lavrinhas e finalmente coloque a sua equipe para trabalhar. Tomara que o prefeito volte a dar atenção e a atender pessoalmente a população. Tomara que o prefeito fiscalize  pessoalmente os postos de saúde e  dê a devida atenção à população carente, que reclama do atendimento e falta de medicamentos.   Tomara que o prefeito dê a devida atenção aos sofridos funcionários públicos. Enfim, tomara que o prefeito demonstre a mesma “humanidade”, humildade, simpatia e educação que sempre exibiu enquanto atuava como médico dos postinhos.

A bem da população de Lavrinhas e da estabilidade de governo, aconselhamos ao prefeito calce as “sandálias da humildade”.  Que retome o seu ponto de equilíbrio emocional.

Uma hora o prefeito briga com o vice. Outra hora briga com o vereador (e também cunhado).

Como diz a juventude, hoje em dia:  “Tá fora da casinha”?

Toma o seu rumo prefeito. Acorda enquanto é tempo.

Usando da fala do vereador Cleber (PSDB) quando encerrou o seu pronunciamento, na ultima sessão: “TUDO SE RESUME A UMA SÓ PALAVRA: DECEPÇÃO”!

 

Matéria Extraída do Jornal A Notícia de  22 de outubro de 2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.