Após 138 faltas sem justificativa, Vereador de Lavrinhas, SP servidor municipal, é exonerado – A Gazeta

Após 138 faltas sem justificativa, Vereador de Lavrinhas, SP servidor municipal, é exonerado

Faltas sem justificativas no intervalo de 12 meses fizeram servidor ser demitido por justa causa


Redação – A população de Lavrinhas foi pega de surpresa na última semana com a notícia de que um Vereador havia sido exonerado. Calma, amigo leitor, sabemos que Vereador não pode ser exonerado de sua função, no máximo cassado, mas não é este o caso.

O caso em questão é que o servidor José Cleber da Silva Junior, que também ocupa o cargo de vereador de Lavrinhas, foi o funcionário público alvo de sindicância.

O que ocorreu é que o mesmo estava em estágio probatório, período em que o funcionário pode ser demitido se apresentar falta grave ou coisa correlata, que acabe obrigando o Chefe do Executivo a demitir o mesmo.

Consta que o mesmo conseguiu faltar 138 horas/aulas sem justificar suas faltas aos seus superiores, o que trouxe prejuízo à municipalidade, uma vez que o ex-funcionário era professor da rede de ensino e suas faltas sem justificativa, inviabilizaram a reposição das aulas com um professor substituto.

Após sindicância da Prefeitura Municipal de Lavrinhas, o mesmo foi mandado embora por justa causa, porém, continua ocupando o cargo de Vereador da cidade.

Ao que parece as coisas em nosso país, e sobretudo, em Lavrinhas, estão mudando a farra com dinheiro público está acabando, e esta história de servidor faltar em serviço e cometer faltas funcionais e não serem punidos.

Vê-se que o que aconteceu em Lavrinhas vem refletindo o novo cenário de politico do país, o de moralização da máquina pública, tanto na esfera federal, estadual e municipal.

Tomara que casos como estes continuem se repetindo, para que posamos ver em um futuro próximo, um país melhor para nossos filhos, onde as Leis são aplicadas a todos, não importando o cargo exercido pelo servidor público ou sua posição na sociedade, pois a Lei é para todos.

 

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.