Desabastecimento esvazia estradas do Vale na saída do feriado prolongado

Após dez dias com manifestação de caminhoeiros e desabastecimento de combustível, as estradas que cortam o Vale do Paraíba ficaram esvaziadas nesta quinta-feira (31) na saída para o feriado prolongado de Corpus Christi.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), em cenário atípico para o início de feriado, não há pontos de lentidão na via Dutra. Na Floriano Rodrigues Pinheiro, que liga Taubaté a Campos do Jordão, o motorista faz o percurso em cerca de 40 minutos. Não há pontos de lentidão.

O feriado de Corpus Christi é o último prolongado do primeiro semestre do ano e movimenta o turismo em Campos do Jordão e em Aparecida, com os eventos religiosos.

De acordo com a PRF, o cenário comum é de estradas lotadas e operações especiais para o atendimento à demanda, mas a paralisação dos últimos dias parece ter mudado os planos do turista.

Na viagem para o Litoral Norte, a Oswaldo Cruz tem tráfego tranquilo com tempo de viagem estimado em 1h20 entre Taubaté e Ubatuba. Já na Tamoios, que faz a ligação entre São José dos Campos e Caraguatatuba, a viagem tem duração de 1h30, com fluidez.

Na via Dutra, geralmente com pontos de lentidão no trecho de Aparecida, na chegada a Basílica, o tráfego é livre em todos o trecho da região.

“O movimento de hoje é mais baixo do que o registrado em dias comuns no nosso trecho. Fizemos operações para garantir que as pessoas pudessem aproveitar o feriado e vamos manter isso. O motorista que quiser pegar a estrada, vai fazer isso com segurança”, explica o porta-voz da PRF, Ricardo de Paula.

Combustível

Com a desmobilização da greve, os postos começam a normalizar o atendimento. Em São José dos Campos, é possível abastecer sem filas em postos da região central nesta quinta-feira (31).

Em Taubaté, ainda há postos com filas, mas não há mais esperas de horas seguidas. No Litoral Norte e Campos do Jordão também há postos abastecidos.

A PRF alerta, apenas, que o motorista saia com o carro abastecido, porque ainda há postos desabastecidos às margens da rodovia. Pane seca pode render multa de cerca de R$ 130 e quatro pontos na carteira.

Foto: Pedro Melo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.