Prefeitura de Volta Redonda, RJ faz mudanças na Saúde após mortes de bebês no Hospital São João Batista

A prefeitura de Volta Redonda anunciou na noite desta quinta-feira (20) que fez mudanças e na administração da maternidade do Hospital São João Batista, maior hospital da região sul do estado do Rio. A medida veio depois que pelo menos quatro gestantes perderam bebês na unidade, em oito dias.

A prefeitura disse que a mudança foi decidida “em uma reunião de urgência”. O setor que sofreu as alterações engloba o Bloco Materno Infantil, onde são realizados procedimentos nas gestantes que chegam ao hospital. A nota ainda esclarece que pelo menos um médico foi demitido do setor.

– Hoje (20) pela manhã, foi aberta uma sindicância para investigar as condições de um parto, onde uma mãe que estava com o bebê de 38 semanas, deu entrada na maternidade na última terça feira (18), para acompanhamento e realização do procedimento médico e  criança veio a óbito – afirma a nota.

Nesse caso citado na nota, a família fez um boletim de ocorrência na delegacia (93ª DP) que também deve apurar o caso. A nota encerra afirmando que “está apurando o ocorrido e vai encaminhar tudo para uma comissão submetida ao Conselho Regional de Medicina (CRM) que tomará as medidas cabíveis”, finalizou.

Vereadores ventilaram o tema, em sessão ordinária, esta semana na Câmara Municipal. Um requerimento foi aprovado pedindo informações sobre os óbitos e procedimentos feitos no hospital nos últimos seis meses do ano. A SMS tem um prazo para resposta.

 

Fonte: Sul Fluminense Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.