Maiores cidades do Sul de Minas fecham agosto com saldo negativo de geração de empregos

As 10 maiores cidades do Sul de Minas foram na contramão da tendência nacional e fecharam 433 vagas de emprego em agosto. Os números são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, divulgados nesta sexta-feira (21). Conforme os dados, em todo o Brasil foram gerados 110,4 mil empregos no mesmo período.

No cenário regional, o que pesou para o fechamento dos postos de trabalho foi a agropecuária. Só em agosto, o setor fechou 1.218 postos de trabalho. Na contramão, o setor de serviços foi bem, gerando 800 vagas de emprego durante agosto.

Entre os municípios, destaque para Pouso Alegre, que gerou 283 vagas de emprego, seguido de Passos, que gerou 155. Já Alfenas e Três Corações fecharam 262 e 217 vagas respectivamente.

Saldo no ano

No ano, as 10 maiores cidades do Sul de Minas já geraram 4.324 vagas de emprego. A maior concentração de vagas criadas está na agricultura, com 2.318 postos de trabalho, seguido do setor de serviços, que criou 1.928 vagas. O comércio segue sendo o setor que mais demite. Em 2018, ele já fechou 874 vagas.

Entre os municípios, Pouso Alegre é o que mais gerou vagas de emprego no ano, com saldo positivo de 1.415 vagas. Na cidade, o setor de serviços (+766) e a indústria (+537) são os destaques. Três Pontas gerou 1.180 vagas no ano, em maior parte devido à agropecuária (+811).

Na contramão, Itajubá é o único município entre os 10 maiores que fechou vagas de emprego. De janeiro a agosto, a cidade fechou 332 postos de trabalho, influenciado principalmente pela indústria, que fechou 336 vagas no ano.

Extrema, um caso à parte

Mesmo não estando entre os 10 maiores municípios, o desempenho de Extrema também chama a atenção. No ano, o município com o 3º maior PIB do Sul de Minas já gerou 1.460 vagas de emprego, sendo 994 somente na indústria, setor que vem chamando atenção na cidade nos últimos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.