Linha de cerol provoca corte no pescoço de motociclista em Volta Redonda, RJ

As leis proibindo o uso de cerol e linha chinesa em pipas não vêm sendo respeitadas, principalmente para praticantes da brincadeira que se concentram nos bairros Niterói e Aterrado, em Volta Redonda.  

No último domingo, dia 30, Lucas Linhares, de 24 anos, sofreu um corte no pescoço provocado por linha de cerol, ao passar de motocicleta no entorno do Complexo Esportivo Osmar Cardoso, às margens da Radial Leste.

O caso reforçou as queixas de moradores da localidade que reclamam que os soltadores de pipas desrespeitam tanto pedestres quanto motoristas.

Uma mulher, que pediu para não se identificar, disse que passa diariamente pelo local e é obrigada a se desviar das linhas cortantes.

– Temos que ficar desviando das linhas para não nos ferir. Sem falar, o perigo desses garotos correndo pela rua para pegar pipas, sem observar os carros. A Guarda Municipal já fez um tralhado de conscientização  para não empinarem pipas, principalmente aos domingos, quando um trecho da Radial Leste é interditada e se transforma em área de lazer com crianças andando de bicicleta entre outras atividades ao ar livre – disse a moradora.

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.