Vítima de tentativa de feminicídio continua internada em Barra Mansa, RJ

Luana da Silva da Cunha, de 35 anos, continua internada em estado grave desde a madrugada desse domingo (24), após ser vítima de tentativa de feminicídio, em Barra Mansa.

Segundo testemunhas, o crime teria sido praticado pelo ex-marido, Paulo Roberto Lopes da Silva, por não se conformar com a separação do casal.

Ele está sendo procurado pela polícia. A vítima foi agredida, em diversas partes do corpo, principalmente no rosto que ficou desfigurado.

A agressão foi na casa dela, na Rua 13 de Maio, no bairro Boa Vista I. A mulher foi levada inconsciente para a Santa Casa de Barra Mansa, onde continua internada. 

Ela não corre risco de morrer. Paulo Roberto teria se comunicado com uma das filhas e relatado sobre a agressão.

Briga

Um PM de 43 anos foi agredido na noite desse domingo (24), por militar do Exército, de 24 anos. Policiais militares foram ao Jardim Boa Vista, também em Barra Mansa, onde os dois teriam discutido.

A polícia não revelou o motivo da briga. O policial e o militar foram levados para a 90ª DP (Barra Mansa), onde a ocorrência foi registrada como lesão corporal. O suspeito assinou um termo circunstanciado, se comprometendo a comparecer ao Juizado Especial Criminal de Volta Redonda quando for solicitado.

Fotos: Redes Sociais / Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.