Homem embriagado invade escola após confusão no Jardim Esperança em Guaratinguetá, SP

Um homem embriagado invadiu uma escola para fugir de uma briga nesta segunda-feira (19) em Guaratinguetá. Segundo a Polícia Civil, ele teria brigado com outro homem, que o ameaçou com um facão e, para se esconder, invadiu uma escola estadual. Ele foi socorrido e o caso foi registrado como lesão corporal. Os alunos não tiveram contato com o invasor. (leia abaixo)

Segundo a Polícia Civil, a ocorrência foi por volta das 13h30 na escola estadual José Pereira Eboli, no Jardim Esperança. O homem que entrou na escola tinha um ferimento causado por um golpe de facão. Para fugir do agressor, ele pulou o muro da escola.

A equipe escolar viu o homem e acionou a Polícia Militar e o socorro. O homem foi encaminhado para a Santa Casa com uma perfuração nas costas. De acordo com a polícia, ele não soube explicar o motivo da briga, mas estava sob a influência de álcool.

O caso foi registrado como lesão corporal e é investigado pela Polícia Civil.

Secretaria da Educação

A Diretoria Regional de Ensino de Guaratinguetá informou, em nota, que o homem não teve acesso ao prédio escolar, onde ficam os alunos, já que o portão estava fechado.

“A entrada onde ele teve acesso é o portão da secretaria. Cabe reiterar que a rede estadual possui parceria com a ronda escolar da Polícia Militar para policiamento no entorno das unidades”, disse o Estado em trecho da nota.

A Secretaria da Educação do Estado de São Paulo informou que os procedimentos de segurança em todas as 5,3 mil escolas serão revisados e está em estudo um projeto para reforço à segurança nas escolas consideradas vulneráveis.