Ana Karin pode ser a 3ª Ministra do Governo Bolsonaro

Fontes do governo revelam que o nome de Ana Karin (PRB-SP) está sendo cotado para assumir o Ministério do Turismo. Segundo essas fontes, em um possível cenário de saída do atual ministro, Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG), o nome de Ana Karin aparece como uma alternativa.   

Ana Karin é pós-graduada em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e em Marketing Político pela Universidade de São Paulo (USP), além disso é bacharel em Administração e possui especialização em Gerências de Cidades. Atuou como prefeita da cidade de Cruzeiro (SP) por dois mandatos consecutivos, de 2009 a 2016, tornando-se a primeira prefeita reeleita na cidade.

Dentro do Partido Republicano Brasileiro (PRB) é uma das principais lideranças do PRB Mulher de São Paulo lutando ativamente pela defesa dos direitos das mulheres na sociedade. Inclusive, uma das pautas de Ana Karin é o combate ao turismo sexual que afeta diversos estados brasileiros e que rouba a juventude de milhares de jovens. Com esse pensamento, Ana Karin foi uma das idealizadoras do Disk-Denúncia Contra Exploração Sexual Infanto-juvenil e Turismo Sexual no Brasil.

Com ampla experiência na área de promoção de eventos e turismo, o currículo de Ana Karin ainda conta com experiências de direção na Embratur. Foi responsável pela diretoria de Marketing da companhia entre 1995 e 2000, e atuou na promoção da imagem do Brasil no Exterior durante a Copa do Mundo de 1998. Além disso, participou de eventos em Lisboa, Nova York, Paris e Buenos Aires sobre os problemas acarretados pelo turismo sexual e os mecanismos para combatê-los.

Com os recentes desgastes do ministro do Turismo, o governo deve estar preparado para uma possível substituição. Parte desse trabalho consiste em levantar os currículos de pessoas qualificadas para ocupar a pasta, já que a meritocracia é usada pelo governo Bolsonaro como ponto de partida para nomeação de cargos.

Nesse sentido, Ana Karin faz jus à posição e reforçaria o “lado feminino” do time de ministros que conta com Tereza Cristina, da Agricultura, e com Damares Alves, da Família e Direitos Humanos. Em um contexto no qual a importância da mulher na sociedade é um tema atual, com grande repercussão, a nomeação da terceira ministra do governo poderia sinalizar como um apoio à agenda do empoderamento feminino.

Por Ronaldo Nóbrega

Um comentário em “Ana Karin pode ser a 3ª Ministra do Governo Bolsonaro

  • 11 de maio de 2019 em 02:23
    Permalink

    Great post! We will be linking to this particularly great post on our website.
    Keep up the good writing. Tjeck Tröja

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.