Projeto Crônicas de Mesa, uma realidade em Cruzeiro, SP

O Crônicas de Mesa surgiu como ideia em meados de 2008, quando iniciamos um projeto dentro do programa do governo estadual de São Paulo, o “Escola da Família”. Onde desenvolvemos atividades com jogos analógicos utilizando, RPGs (jogo de interpretação e de contar histórias) e jogos de tabuleiro modernos, com o objetivo de estimular de forma lúdica a leitura, criatividade, resolução de problemas e diversas outras características importantes para o desenvolvimento de crianças, jovens e adultos. Ao longo dos anos nós seguimos com a produção de oficinas de jogos em escolas, participamos de eventos por todo o Vale do Paraíba e organizamos um encontro mensal de jogos no Museu Major Novaes, em Cruzeiro, São Paulo. 

Nossa missão é democratizar o acesso aos jogos analógicos no Vale Histórico da Mantiqueira, garantindo um lugar seguro e divertido, assim como uma excelente experiência dentro de nossos projetos, além de incentivar hábitos positivos através dos jogos.

1786eb80-9d4e-406e-b034-1382a42cce67.jpg

Vem Jogar No Museu é umProjeto mensal, gratuito, realizado em parceria com o Clube Cruzeirense de Wargames (CCW), com o apoio da Secretaria de Cultura de Cruzeiro e do Museu Major Novaes. 
O “Vem Jogar No Museu” acontece no primeiro sábado de cada mês, na área interna do Museu Major Novaes, onde são expostos diferentes jogos de tabuleiro modernos e mesas de RPG, com instrutores capacitados para receber o público e auxiliar os jogadores nas diversas atividades oferecidas (Jogos de tabuleiro, de cartas, wargames e RPG). Ao longo de oito edições do projeto, já passaram pelo Museu mais de 400 pessoas de Cruzeiro, cidades vizinhas, e até mesmo de outros estados, como Minas Gerais e Rio de Janeiro, sendo o público em sua maioria jovens Cruzeirenses entre 15 e 28 anos e pais e filhos que buscam uma diversão saudável em família. 
Pretendemos com o “Vem Jogar No Museu” apresentar de forma democrática os jogos analógicos para novos jogadores, possibilitar maior interação entre os grupos já existente na região e oferecer uma alternativa saudável e estimulante de entretenimento para os jovens. 

11eefddf-4bd3-405e-99bd-c7947cde6901 (1).jpg

Meeple Escolar  Projeto realizado com alunos de escolas de tempo integral da cidade de Cruzeiro, São Paulo, como atividade extracurricular. O “Meeple Escolar” tem como escopo a utilização de jogos analógicos como ferramenta catalisadora para desenvolver o interesse na leitura, a socialização entre os alunos, e a criatividade. 
Durante a atividade são apresentados jogos de tabuleiro, de cartas e RPGs, adequados para a faixa de idade dos alunos. Estes jogos, além de divertidos, trabalham com diversas habilidades e competências que são necessárias não apenas no ambiente escolar, mas também na vida dos alunos, como a aptidão numérica, verbal, atenção e memória. O projeto está atualmente na escola Prof. Virgílio Antunes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.