Polícia Civil de Volta Redonda, RJ afirma que prisão de suspeitos libertou moradores do terror

Segundo a Policiais Civil a prisão de quatro suspeitos, nessa quinta-feira, 11, libertou moradores do Monte Castelo, em Volta Redonda, do clima de terror imposto pelos bandidos.

Uma das vítimas chegou a ser torturada e sequestrada pela quadrilha. Durante a investigação, policiais receberam várias denúncias sobre as ações criminosas do bando.


Foto: Polícia Civil

Uma delas foi à de que os bandidos expulsavam moradores para usar o imóvel  como ponto de venda de drogas ou para esconderijo.

Foi apurado ainda a informação de que os suspeitos impunham suas próprias “leis” no Monte Castelo e bairro vizinhos.

Além de trazer pânico e ameaçar moradores, a quadrilha também era especializada em roubos. Os suspeitos Maurício Lessa Coutinho, de 27 anos, Bruno Oliveira, Arthur Neri Muniz , 21, e Patrick Oliveira da Silva, 19, serão transferidos para o sistema penitenciário do Estado do Rio de Janeiro.

Eles foram indiciados por associação criminosa, tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte), sequestro e tortura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.