Prefeitura faz racionamento de água em Bom Jesus dos Perdões, SP

A Prefeitura de Bom Jesus dos Perdões (SP) iniciou nesta semana um racionamento de água aos moradores. A administração adotou a medida de maneira emergencial e alega que não tem estrutura para abastecer todas as casas.

O racionamento foi implantado nesta semana após uma série de reclamações de moradores. Em alguns bairros como o Parque Hortência, conhecida como Travessa Bélgica, os moradores afirmam que chegaram a ficar 5 dias sem água.

No racionamento, os bairros foram divididos em dois blocos – em parte da cidade há abastecimento em um dia e no outro não.

A moradora Camila Almeida conta que tem passado dificuldades com a falta de água. “Não é um ou dois dias, é recorrente. Faz quatro anos do mesmo problema. A conta chega, mas a água infelizmente não chega”, disse.

Na última segunda-feira, um grupo de pessoas protestou em frente à Prefeitura contra a falta de água. A capacidade de captação e de tratamento da cidade é de cerca de 200 mil litros por hora, o que tem sido insuficiente para 25 mil habitantes.

Outro lado

A Prefeitura informou que o racionamento foi uma medida emergencial para tentar amenizar a situação. A expectativa é que esse esquema dure um mês.

“Ela [a Prefeitura] tá resolvendo o problema de captação para aumentar o volume de água captada do ribeirão. Vai construir uma nova estação de tratamento de água e vai terminar o reservatório que é a obra que está parada há muitos anos”, explicou o prefeito da cidade, Sérgio Ferreira.

O representante da administração municipal também informou os prazos para solucionar os problemas. “Essa parte emergencial nós queremos entregar em dois meses no máximo, que vai dar um suporte pra que a gente possa passar esse período de verão. E em 8 a 10 meses concluir essas obras e a partir dai a gente ter págua suficiente para abastecer toda a população”, disse.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.