Eu sei em quem tenho crido. (2 Tm 1.12)

“Na tempestade”, disse um velho marujo, “só há uma coisa que se pode
Fazer – uma só: pôr o navio em determinada posição, e conservá-lo nela.”

Isso que temos que fazer. Às vezes. Como Paulo, não vemos nem o sol
Nem estrelas, e a tempestade que cai não é pequena. Só há uma coisa
A fazer – uma só.

A razão não nos pode ajudar; as experiências passadas não trazem luz.
Até a oração parece não trazer consolo. Só resta um caminho. Temos que pôr
A alma em determinada posição, e ali ficar. Temos que estar escorados no senhor;
E venha o que vier – onda ou vento, trovões ou raios, vagalhões ou rochedos perigosos –
Não importa o quê, nosso lugar é estar atado ao leme, na certeza de que Deus é fiel; de que
Ele assumiu um compromisso para conosco em Sua aliança; de que Ele nos tem amor eterno
Em Jesus Cristo. – Richard Fuller

Melhor lugar não há
De pouso e segurança
Que os braços do Senhor.
Eu fico ali;
Espero ali;
Ali me escondo e abrigo;
Eu moro ali;
Pois nEle achei:
Meu Deus,
Meu Pai,
Meu Salvador,
Meu mestre,
Meu grande amigo.

“Extraído do livro mananciais no deserto”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.