Leiteiro afirma que Executivo de Barra Mansa, RJ precisa se organizar contra a crise financeira

Leiteiro afirma que Executivo precisa se organizar contra a crise financeira

 

Redação – Barra Mansa: O presidente da Câmara Municipal de Barra Mansa, vereador José Luiz Vaneli, o Leiteiro (PSDB), afirmou na sessão da última quinta-feira (18) que o Executivo municipal necessita se organizar para enfrentar a crise financeira. O vereador destacou que a crise financeira afetou a todos, mas que o Executivo municipal não pode usá-la como motivo para não prestar serviços de qualidade no município.
-Sabemos a situação financeira que o país enfrenta e que os repasses, tanto estaduais quanto federais, não estão acontecendo da forma correta para o município. Mas, é preciso que a prefeitura organize a casa, o que estamos presenciando em Barra Mansa é uma falta de organização e fiscalização dos serviços prestados à população. Existem pessoas interessadas em oferecer um serviço de qualidade para o cidadão, mas não existe uma estrutura mínima para que isso aconteça. Sem recursos, os problemas não são resolvidos, entretanto com mais organização e eficiência pode se oferecer o básico, com qualidade – afirmou Leiteiro.
O vereador alertou que da forma como a cidade está, a Prefeitura não fornece um incentivo para a população pagar o IPTU na data correta, comprometendo ainda mais a receita municipal. O vereador Roque lembrou que, devido às constantes chuvas, ocorre muito deslizamento de terra na cidade e a administração municipal não consegue fazer a limpeza das vias.
– Temos na cidade um problema sério de deslizamento de terra. Procuramos o SAAE, que não tem estrutura para tirar tanta terra. Na SUSESP não tem equipamento. E a cidade fica com as ruas cheias de lama. É preciso que a prefeitura faça a parte dela – afirmou Roque.
Para Leiteiro, até mesmo a função de fiscalizar do vereador tem sido comprometida. O vereador deu como exemplo a aprovação de um pedido de informação, durante a sessão de quinta, sendo que havia cinco pedidos na ordem do dia.
-Está difícil fiscalizar nesta legislatura, desde o início do mandato não consegui aprovar nenhum pedido de informação de minha autoria. Hoje conseguimos aprovar apenas um pedido de informação e vamos cobrar que seja respondido no prazo legal – disse o presidente.
O pedido de informação aprovado, ao qual Leiteiro se referiu, solicita que o Executivo preste contas do contrato firmado com Organização Social ICN. O requerimento, de autoria do vereador Marcelo Borges, solicita que a prefeitura apresente cópia do contrato e de todo processo licitatório que o originou, além de informar se estavam sendo cobrada a regularidade fiscal da empresa, antes de efetuar seu repasse, conforme previsão legal. Os demais pedidos de informação incluídos na sessão de quinta-feira, também de autoria do vereador Marcelo Borges, tiveram pedidos de vistas aprovados.

 

Foto: Divulgação

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.