Cruzeiro, SP: Farra com o dinheiro da educação e da saúde

Cruzeiro – Em 09 de maio de 2016 a Secretaria de Educação de Cruzeiro patrocinou a apresentação da peça dos atores Tadeu Aguiar e Eduardo Bakr. Na ocasião, a Secretaria de Educação alegava que a peça estreava nacionalmente na cidade; cujo tema da história buscava agregar valores aos estudantes da cidade, acesso a cultura através de peças teatrais unindo conteúdo transformadores.

Segundo alardeado á época, na impressa oficial: “Essa é a aposta da secretaria municipal de Educação de Cruzeiro, que oferece ao longo dessa semana várias sessões da peça teatral “O Homem de Cabeça de Papelão”.

O projeto dos atores Tadeu Aguiar e Eduardo Bakr estreia nacionalmente na cidade vale paraibana e pretende percorrer todo país. Em Cruzeiro cerca de dois mil alunos deverão passar pelo auditório da Fatec (Faculdade de Tecnologia de Cruzeiro) ao longo dos próximos dias.

De acordo com o secretário municipal de educação, Carlos Zinani, a medida visa atender as diretrizes básicas de educação, levando gratuitamente a inclusão cultural aos alunos da rede municipal de ensino. Além disso, a história contada foi escolhida pelos educadores, pois tem uma temática social, que está presente no dia-a- dia dos estudantes e que trata de assuntos que engrandecem os estudantes enquanto cidadãos, através de um debate que acontece no final da apresentação.

De acordo com o ator Eduardo Bakr a peça fala da transformação de um ser, que era bom em sua essência, mas acaba corrompido pela sociedade, mudando sua cabeça e revertendo seus valores.

“Fundamentalmente é perceber que temos o bem e o mau dentro de si, e podemos sim alimentar o bem e fazer disso um agente transformador na sociedade”, disse Bakr. As apresentações acontecem sempre em 4 horários: 8h30, 10h15, 14h e às 19h30. Os organizadores informam ainda que a sessão noturna é aberta a comunidade e alunos do projeto (EJA) Educação para Jovens e Adultos (Evento: Peça teatral “O Homem da Cabeça de Papelão”; Local: Auditório Fatec – Faculdade de Tecnologia de Cruzeiro; Horário: 8h30 / 10h15 / 14h00 e 19h30)”.

Até aí, nada demais; visto que manifestações culturais são sempre bem vindas.

No entanto, o que a Secretaria de Educação de Cruzeiro não divulgou à época, e descoberto recentemente pela nossa reportagem, é que os autores da peça, em especial o Sr. Tadeu Aguiar, é amigo pessoal de longa data da prefeita Ana Karin e que, diga-se de passagem, a tal “peça” foi paga a peso de ouro pela Secretaria de Educação de Cruzeiro.
Conforme relatado acima, pela própria assessoria de imprensa da prefeitura, e referida peça teatral ocorreria EM UM ÚNICO DIA, com 4 APRESENTAÇÕES em horários distintos.

No entanto, sem procedimento de licitação comum (alegando inexigibilidade), por meio do Empenho n.º: 2104-2016, como pagamento de 10 APRESENTAÇÕES de peças teatrais (que, pelo dito pela assessoria de imprensa da prefeitura foram na realidade tão somente 4 APRESENTAÇÕES), a Secretaria de Educação pagou (em 06/06/2016) a incrível quantia de R$ 91.100,00 (NOVENTA E UM MIL E CEM REAIS).

O referido empenho tinha como descrição de pagamento : “REFERENTE A EMPENHO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE APRESENTAÇÃO DE 10 PEÇAS TEATRAIS, REFERENTE AO PROJETO TEATRO JOVEM, TENDO COMO TEMA “O HOMEM DA CABEÇA DE PAPELÃO”, A SER MINISTRADO EM FORMATO DE APRESENTAÇÃO DE ESPETÁCULOS COM OBJETIVO DE ESTIMULAR A CAPACIDADE DE ANÁLISE E CRÍTICA DE EDUCADORES E EDUCANDOS, VISANDO A CONSTRUÇÃO FÍSICA, PSICOSSOCIAL E O BEM-ESTAR”.

Assim, de qualquer forma, sem cumprir as determinações da Lei de Licitações, usando de VERBA DA EDUCAÇÃO, a Prefeita Ana Karin pagou R$ 91.100,00 (NOVENTA E UM MIL E CEM REAIS) a um amigo de longa data, no caso o ator Tadeu Aguiar, por poucas apresentações de uma peça teatral. As referidas informações são públicas, e estão disponíveis no portal da transparência do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (cujos pagamentos foram feitos para a empresa “ESTAMOS AQUI PRODUÇÕES ARTÍSTICAS LTDA”, CNPJ – PESSOA JURÍDICA – 00149994000102, em duas parcelas: uma de R$40.000,00 e outra de R$51.100,00).

E os desmandos e abusos da Prefeita Ana Karin não param por aí.

Segundo veiculado pela assessoria de imprensa: “A Prefeitura ofereceu gratuitamente um dos maiores espetáculos de musica clássica do país, na quinta-feira, 11/08/2016, tendo como cenário o Museu Major Novaes.

Mais de mil pessoas assistiram ao espetáculo “Clair de Lune”, do tenor brasileiro Thiago Arancam, na noite da quinta-feira (11 de agosto), no Museu Major Novaes, em Cruzeiro-SP. O evento foi realizado pela Prefeitura de Cruzeiro, por meio da Secretaria de Relações Institucionais, Cultura e Esporte.

A Administração Municipal conseguiu oferecer aos cruzeirenses, gratuitamente, uma das únicas apresentações no Brasil de um dos nomes mais importantes da música clássica internacional na atualidade.

A noite foi marcada por um clima de magia e emoção. Apesar de todo glamour e infraestrutura, o concerto não acarretou nenhum custo aos cofres públicos, já que houve patrocínio de empresas privadas para acomodar o artista e sua equipe. Por se tratar de um amigo particular da prefeita de Cruzeiro-SP, Ana Karin Dias Almeida Andrade, Thiago Arancam se apresentou gratuitamente para população.

O concerto começou por volta das 21h e contou também com uma surpresa para o público, que prestigiou um duo entre Thiago Arancam e a cantora lírica Celine Imbert,

estrela de algumas das mais importantes produções operísticas brasileiras. Celine é considerada uma das mais importantes sopranos do país de todos os tempos e morou em Cruzeiro durante um longo período da sua infância.

A apresentação de Arancam aconteceu na área externa do Museu, em concordância com o que ele mesmo propõe na turnê “Concert ao Clair de Lune” [concerto à luz da lua, em tradução livre], oferecendo uma viagem entre famosas árias de ópera e músicas que marcaram época.

A arquitetura do Museu Major Novaes abrilhantou ainda mais a noite. Em um dos momentos mais marcantes do espetáculo, a prefeita Ana Karin Andrade foi convidada a tocar a música “Il Mondo” no piano, sendo acompanhada pelo Tenor. O concerto teve também a participação da Orquestra Jovem de Cruzeiro, que acompanhou a estrela internacional durante a interpretação de um dos clássicos da música internacional: “My Way”, eternizada na voz de Frank Sinatra.

Além das dezenas de cruzeirenses, incluindo professores, empresários, a turma da melhor idade Cruzeiro e moradores de cidades vizinhas, o concerto contou também com a presença de diversas autoridades, entre elas o prefeito de São Bento do Sapucaí-SP, Ildefonso Mendes Neto, o prefeito de Arapeí-SP, Edson de Souza Quintanilha, a Embaixatriz Rosário Amaral, o Cônsul da Bélgica no Brasil, Charles Delogne e os colunistas sociais, Pergentino Holanda e Oveadia Saadia, presidente da Associação de Colunistas Sociais do Brasil.

Após o espetáculo, Arancam ainda fez questão de atender todos os presentes, que aproveitaram a oportunidade para tirar uma foto com o ídolo”.

Mais uma vez, nada contra o espetáculo.

Entretanto, ao contrário do que o veiculado pela assessoria de imprensa à época, e descoberto recentemente pela nossa reportagem, o concerto teria sim acarretado custos aos cofres públicos.

Conforme o empenho n.º 3064/2016, o evento (concerto) teria sido liquidado (liquidação n.º 10207/2016), Nota Fiscal: NFe-156, em R$46.000,00 (Quarenta e seis mil reais), com programação de pagamento inicial de R$15.000,00 previsto para o dia 26/10/2016. A beneficiária e intermediária do pagamento é a empresa POPCOM COMUNICAÇÃO INTEGRADA LTDA (CNPJ n.º 10.257.299/0001-18), cuja verba em questão teve como origem a SECRETARIA DE SAÚDE (?????). A nossa reportagem apura ainda denúncias de que existem mais empenhos em prol da mesma empresa em outras pastas (EDUCAÇÃO, MEIO AMBIENTE e etc…); cujo conteúdo, se confirmado, poderá será objeto de outras matérias. As referidas informações são públicas, e estão disponíveis no portal da transparência do site da Prefeitura Municipal de Cruzeiro/SP.

Mais uma vez, para satisfazer os seus caprichos e interesses pessoais, a Prefeita Ana Karin usa recursos públicos (DA SAÚDE ?????) para festas luxuosas e em prol de “amigos”.

Em uma cidade que está faltando dinheiro para a saúde, em que a Santa Casa está quase fechando, os médicos com os salários atrasados, em que os funcionários públicos municipais não recebem os salários em dia, em que a coleta de lixo não ocorre regularmente por falta de pagamento, é correto gastar verbas públicas dessa forma?

Tais condutas, se não ilegais (e acreditamos que até sejam ilegais), não são IMORAIS?

Pelo o amor de Deus!!!! Até quando as nossas autoridades vão fechar os olhos para os desmandos dessa administração?

* Foto e Matéria Extraída do Jornal A Notícia – 28/10/16 – ED: 2068

3 comentários em “Cruzeiro, SP: Farra com o dinheiro da educação e da saúde

  • 28 de outubro de 2016 em 21:43
    Permalink

    é tão revoltante e repugnante ver esta cambada de políticos ladrões roubando nosso dinheiro. pena que nossa justiça os protegem. por causa desta impunidade, é que cada vez mais estes ladrões estão agindo. até quando vamos ter que aguentar isso?

  • 28 de novembro de 2016 em 23:34
    Permalink

    Isso é fruto de uma administração egoísta que só pensou em si próprias ignorando a população que os elegeu e confiou e assim sendo esmagada pela ambição de pessoas mesquinhas, inescrupulosas e sem caráter ficamos todos de mãos atadas, é lamentável a situação da cidade de Cruzeiro!
    A única coisa a ser feito agora, no seria a polícia federal começar uma investigação interna e por a limpo toda essa sujeira e punindo estas pessoas que passam por cima de tudo e de todos e que não passam de meros ladrões, bandidos cadeia pra eles.
    O povo não aguenta mais!!!

  • 24 de janeiro de 2018 em 22:37
    Permalink

    Achei aqui no google o nome do proprietário da POPCOM Comunicação Integrada é um bosta chamado Sérgio Cassita Duran Jr. Já até fechou a empresa esse sujo de merda. ô paizinho de gente sem culhão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.