Padrasto que espancou criança de 5 anos nesta quinta-feira em Lavras, assaltou e esfaqueou uma jovem no ano passado

Na época, ele e mais dois comparsas tentaram roubar um celular de uma jovem, ela foi esfaqueada nas costas pelos criminosos

O caso do garoto de 5 anos que foi espancado pela mãe e pelo padrasto, na tarde desta quinta-feira, dia 22, teve desdobramento na tarde de ontem, dia 23.

Na quinta-feira o casal foi detido pela Polícia Militar, a mãe do garoto tem 21 anos e foi presa, já o padrasto tem 16, e por ser menor, foi colocado em liberdade após ser ouvido na Delegacia Regional de Polícia Civil (Depol).

O rapaz voltou para a casa, porém, os vizinhos inconformados tentaram, mais uma vez, linchar o padrasto. A Polícia Militar foi acionada e teve de retirá-lo da casa e leva-lo para outro lugar.

A reportagem do Jornal de Lavras apurou que o padrasto do menino tem passagens pela polícia por lesão, danos, furto e roubo.

A reportagem descobriu também que ele foi alvo de notícia na mídia no ano passado por ter, juntamente com dois comparsas, cometido um crime que também deixou revoltada a população.

Na noite do dia 12 de novembro do ano passado, uma jovem, na época com 25 anos, foi atacada por ladrões quando voltava do trabalho.

A jovem trabalhava em Perdões e morava em Lavras, na Zona Norte da cidade, no bairro Jardim Europa.Regressando do trabalho, ela desceu no ponto de ônibus que existe em frente as ruínas da estação ferroviária de Lavras e, ao atravessar a linha férrea, por volta de 20h50, percebeu que dois marginais com os rostos cobertos por uma blusa amarrada vieram ao seu encontro.

Ela tentou correr, mas foi agarrada por um deles, que tentou roubar seu celular. Assustada, a jovem gritou e isso irritou o marginal que disse: “pare de gritar senão te mato”.

Quando a jovem tentou escapar das mãos do ladrão, ele desferiu um golpe de faca nas costas dela, que mesmo ferida continuou a correr e a gritar, sendo ajudada por membros de uma igreja evangélica próximo ao local do ataque.

A Polícia Militar foi acionada e compareceu rapidamente.Os próprios policiais a levaram para a Santa Casa, onde recebeu pontos no ferimento.

O médico que atendeu a jovem na época disse que a faca atingiu a sua coluna vertebral e que felizmente, não perfurou seu pulmão, o que seria extremamente grave.

Passados seis dias, no dia 18 do mesmo mês, policiais militares foram informados, durante uma operação que realizavam naquela região, sobre a identidade dos criminosos: todos menores de idade, moradores do bairro Cohab e envolvidos com o submundo do crime.

Os policiais tomaram conhecimento também que moradores da região estavam indignados com o que havia ocorrido com a jovem e planejavam linchar os três marginais.

Os policiais, de posse das informações, foram até a residência de dois dos criminosos, um de 15 anos e outro de 17 anos, que ao serem abordados, confessaram o crime e ainda apontaram o nome e o paradeiro do terceiro envolvido, um adolescente de 15 anos.

Detidos eles contaram detalhes do assalto, disseram que estavam com os rostos cobertos por camisas e que a jovem se negou a entregar o aparelho celular para eles, por isso, foi atingida com a faca.

Questionados sobre a faca, disseram que ela estava escondida na casa de um deles e os policiais foram atrás. A faca foi entregue aos militares pelo pai de um dos criminosos

.Os três contaram também que estavam com medo de sofrer represálias por parte dos moradores do bairro, que estavam revoltados com o que aconteceu. Os três menores foram apreendidos e seguiram direto para a 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Depol).

Fonte: Jornal de Lavras

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Cookies settings
Accept
Privacy & Cookie policy
Privacy & Cookies policy
Cookie name Active

Who we are

Our website address is: http://agazetarm.com.br.

What personal data we collect and why we collect it

Comments

When visitors leave comments on the site we collect the data shown in the comments form, and also the visitor’s IP address and browser user agent string to help spam detection.

An anonymized string created from your email address (also called a hash) may be provided to the Gravatar service to see if you are using it. The Gravatar service privacy policy is available here: https://automattic.com/privacy/. After approval of your comment, your profile picture is visible to the public in the context of your comment.

Media

If you upload images to the website, you should avoid uploading images with embedded location data (EXIF GPS) included. Visitors to the website can download and extract any location data from images on the website.

Contact forms

Cookies

If you leave a comment on our site you may opt-in to saving your name, email address and website in cookies. These are for your convenience so that you do not have to fill in your details again when you leave another comment. These cookies will last for one year.

If you visit our login page, we will set a temporary cookie to determine if your browser accepts cookies. This cookie contains no personal data and is discarded when you close your browser.

When you log in, we will also set up several cookies to save your login information and your screen display choices. Login cookies last for two days, and screen options cookies last for a year. If you select "Remember Me", your login will persist for two weeks. If you log out of your account, the login cookies will be removed.

If you edit or publish an article, an additional cookie will be saved in your browser. This cookie includes no personal data and simply indicates the post ID of the article you just edited. It expires after 1 day.

Embedded content from other websites

Articles on this site may include embedded content (e.g. videos, images, articles, etc.). Embedded content from other websites behaves in the exact same way as if the visitor has visited the other website.

These websites may collect data about you, use cookies, embed additional third-party tracking, and monitor your interaction with that embedded content, including tracking your interaction with the embedded content if you have an account and are logged in to that website.

Analytics

Who we share your data with

How long we retain your data

If you leave a comment, the comment and its metadata are retained indefinitely. This is so we can recognize and approve any follow-up comments automatically instead of holding them in a moderation queue.

For users that register on our website (if any), we also store the personal information they provide in their user profile. All users can see, edit, or delete their personal information at any time (except they cannot change their username). Website administrators can also see and edit that information.

What rights you have over your data

If you have an account on this site, or have left comments, you can request to receive an exported file of the personal data we hold about you, including any data you have provided to us. You can also request that we erase any personal data we hold about you. This does not include any data we are obliged to keep for administrative, legal, or security purposes.

Where we send your data

Visitor comments may be checked through an automated spam detection service.

Your contact information

Additional information

How we protect your data

What data breach procedures we have in place

What third parties we receive data from

What automated decision making and/or profiling we do with user data

Industry regulatory disclosure requirements

Save settings
Cookies settings