Após decretar fase vermelha, Thales Gabriel não descarta lockdown noturno em Cruzeiro

Decisão embasada no aumento de casos e internações por Covid-19 enfrenta protestos, mas prefeito mantém rigor contra avanço do vírus

O prefeito Thales Gabriel que optou por fase vermelha para Cruzeiro; possíveis restrições mais rígidas (Foto: Arquivo Atos)

Três dias após decretar fase vermelha para Cruzeiro, dentro do Plano São Paulo de flexibilização contra a Covid-19, o prefeito Thales Gabriel Fonseca revelou ao programa Atos no Rádio que não descarta a utilização de um lockdown para a cidade. A medida foi criticada na cidade, com direito a protestos em frente à Prefeitura.

Implantada na última segunda-feira (18), a regressão à fase vermelha foi devido ao aumento de casos e internações por Covid-19. Embora o governador João Doria (PSDB) tenha decidido retroceder a região da RMVale (Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte) da fase amarela para a fase laranja, Cruzeiro se juntou a São José dos Campos e cidades do Vale Histórico, como Silveiras e Lavrinhas, que também optaram pelo retorno à etapa mais restritiva do plano de flexibilização, em que a maior parte do setor de comércio e serviços deverá permanecer fechada. “Não só a cidade de Cruzeiro, mas a grande maioria das cidades do Vale Histórico também estão em fase vermelha, ou seja, todas as cidades que encaminham os seus pacientes para o nosso hospital também adotarão as mesmas medidas que a cidade de Cruzeiro, trazendo uma uniformidade de procedimentos”, frisou Gabriel, destacando a taxa elevada na ocupação de leitos da UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

De acordo com o novo decreto, Cruzeiro estará até o dia 31 de janeiro na fase vermelha do Plano SP. Com a mudança, apenas serviços essenciais poderão funcionar. Bares, restaurantes, academias, salões de beleza, barbearias devem ser fechados.

Apesar das medidas anunciadas, o prefeito revelou que novas reuniões colocam em pauta a condição de Cruzeiro durante a semana. “Tivemos uma reunião com a classe do comércio e também dos comerciários. Teremos outras com a Câmara, tratando do mesmo tema e estamos caminhando juntos e entendendo o dia a dia. Nos próximos cinco dias faremos uma nova avaliação para saber como estão os nossos índices para dar andamento ao nosso procedimento local no intuito de salvar vidas e tentar equilibrar a questão econômica”.

Ainda no primeiro dia sob as novas regras, um grupo se reuniu em frente à Prefeitura para protestar contra a decisão do prefeito. Para Fonseca, a recepção já era esperada. “Uma manifestação correta, uma manifestação democrática, que nós entendemos ser justa e legítima, mas enquanto gestor, a gente tem obrigação inclusive de dar uma satisfação a essas pessoas”.

Apesar das críticas e apelos contrários, o prefeito não rejeitou a ideia de endurecer ainda mais a flexibilização na cidade. Nem mesmo a possibilidade de um lockdouwn. “Isso (lockdown noturno), conforme feito na cidade de Taubaté, é possível na cidade de Cruzeiro sim. A gente vai até tomar algumas medidas nesse sentido”, contou. “Quando a gente fala que vai realmente estar fechando praças e mais rígido no que tange a até mesmo locais clandestinos funcionando em bairros como bares e pequenas festa acontecendo de forma clandestina entre outras. A gente deve formular isso no papel e que a gente possa agir, mas agir com legitimidade”.

Fonseca lembrou que o intuito da medida é diminuir o número de pessoas contagiadas. “Existem muitos casos assintomáticos e temos percebido isso nos últimos dias e estão contaminando outras pessoas.

Casos – No dia (11), Cruzeiro apresentava 1.384 casos confirmados, 143 pacientes em isolamento domiciliar, 3 internados em clínica médica, 7 internados na UTI, 212 pessoas aguardando resultados de exames. Uma semana depois, no boletim epidemiológico divulgado na segunda-feira (18), a cidade apresentou 1.645 casos confirmados, com 45 óbitos, 330 pacientes em isolamento domiciliar, seis internados em clínica médica, sete internados na UTI, 276 pessoas aguardando resultados de exames.

Por Jornal Atos

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Cookies settings
Accept
Privacy & Cookie policy
Privacy & Cookies policy
Cookie name Active

Who we are

Our website address is: http://agazetarm.com.br.

What personal data we collect and why we collect it

Comments

When visitors leave comments on the site we collect the data shown in the comments form, and also the visitor’s IP address and browser user agent string to help spam detection.

An anonymized string created from your email address (also called a hash) may be provided to the Gravatar service to see if you are using it. The Gravatar service privacy policy is available here: https://automattic.com/privacy/. After approval of your comment, your profile picture is visible to the public in the context of your comment.

Media

If you upload images to the website, you should avoid uploading images with embedded location data (EXIF GPS) included. Visitors to the website can download and extract any location data from images on the website.

Contact forms

Cookies

If you leave a comment on our site you may opt-in to saving your name, email address and website in cookies. These are for your convenience so that you do not have to fill in your details again when you leave another comment. These cookies will last for one year.

If you visit our login page, we will set a temporary cookie to determine if your browser accepts cookies. This cookie contains no personal data and is discarded when you close your browser.

When you log in, we will also set up several cookies to save your login information and your screen display choices. Login cookies last for two days, and screen options cookies last for a year. If you select "Remember Me", your login will persist for two weeks. If you log out of your account, the login cookies will be removed.

If you edit or publish an article, an additional cookie will be saved in your browser. This cookie includes no personal data and simply indicates the post ID of the article you just edited. It expires after 1 day.

Embedded content from other websites

Articles on this site may include embedded content (e.g. videos, images, articles, etc.). Embedded content from other websites behaves in the exact same way as if the visitor has visited the other website.

These websites may collect data about you, use cookies, embed additional third-party tracking, and monitor your interaction with that embedded content, including tracking your interaction with the embedded content if you have an account and are logged in to that website.

Analytics

Who we share your data with

How long we retain your data

If you leave a comment, the comment and its metadata are retained indefinitely. This is so we can recognize and approve any follow-up comments automatically instead of holding them in a moderation queue.

For users that register on our website (if any), we also store the personal information they provide in their user profile. All users can see, edit, or delete their personal information at any time (except they cannot change their username). Website administrators can also see and edit that information.

What rights you have over your data

If you have an account on this site, or have left comments, you can request to receive an exported file of the personal data we hold about you, including any data you have provided to us. You can also request that we erase any personal data we hold about you. This does not include any data we are obliged to keep for administrative, legal, or security purposes.

Where we send your data

Visitor comments may be checked through an automated spam detection service.

Your contact information

Additional information

How we protect your data

What data breach procedures we have in place

What third parties we receive data from

What automated decision making and/or profiling we do with user data

Industry regulatory disclosure requirements

Save settings
Cookies settings