São Sebastião adere à Fase Vermelha do Plano SP

O prefeito Felipe Augusto anunciou nesta sexta-feira (22) que São Sebastião aderiu à Fase Vermelha do Plano São Paulo no enfrentamento à Covid-19. As restrições da Fase Vermelha passam a valer a partir de segunda-feira (25). 

“O controle e o trabalho de fiscalização serão em toda atividade que possa ser indutor de aglomeração. É preciso respeitar a questão econômica e estar atento à saúde”, explicou o prefeito. 

“Estamos atendendo essa orientação para colaborar com o Governo do Estado e acompanhar o Plano São Paulo”, disse. 

De acordo com o prefeito, São Sebastião irá monitorar também o calendário escolar do Estado, que tem início do ano letivo marcado para 8 de fevereiro. 

Na fase vermelha, podem funcionar apenas serviços essenciais, como farmácias, mercados, padarias, lojas de conveniência, bancas de jornal, postos de combustíveis, lavanderias e hotelaria.

A partir de segunda, devem permanecer fechados shopping centers, bares, restaurantes, academias, salões de beleza e comércio em geral.

Festas de fim de ano

Felipe Augusto explicou o porquê de a cidade não acompanhar as decisões estaduais durante as festas de fim de ano. 

“O fim do ano é quando o comerciante local consegue recuperar as perdas financeiras. E naquele momento a decisão foi não seguir por mais restrição, porque foi uma decisão em cima da hora e o empresariado e comerciantes já tinham se comprometido com estoque de produtos e reservas a clientes.

Agora, o entendimento é continuar a seguir o Plano São Paulo”, disse. Ele ainda  destacou que a cidade tem a menor taxa de ocupação de leitos nas UTI’s da região. 

Segundo o Governo do Estado de São Paulo, as medidas restritivas pertinentes à Fase Vermelha vigoram até o dia 7 de fevereiro, quando serão  anunciadas novas medidas.

Por Radar Litoral