PM e empresário são presos suspeitos de envolvimento em homicídio em São José dos Campos

Um policial militar e um empresário foram presos na manhã desta segunda-feira (8) em uma operação da Polícia Civil em São José dos Campos. De acordo com a polícia, o PM é investigado por um homicídio em dezembro de 2020, fora do horário de serviço. Também foram cumpridos outros três mandados de busca e apreensão em endereços de militares.

A operação começou por volta das 5h30 desta segunda. Na ação, a polícia tinha como alvos três policiais militares – dois deles do Batalhão de Ações Especiais (Baep) em São José dos Campos -, além de um policial aposentado e um empresário.

Segundo a Polícia Civil, o grupo teria envolvimento em um homicídio ocorrido no dia 1° de dezembro no bairro Vila Nair em São José. A vítima era investigada por um furto na empresa de uma pessoa ligada ao PM. Após o crime, o suspeito chegou a ser preso e os itens recuperados.

Na ocasião, ele foi liberado e responderia pelo crime em liberdade, mas foi morto a tiros. Câmeras de segurança flagraram o PM no local do crime.

As investigações foram feitas pelo Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), que pediu à Justiça a prisão do PM identificado como atirador e mandados de busca e apreensão para os demais envolvidos.

Nesta manhã, a polícia cumpriu o mandado de prisão do policial e com ele apreendeu uma arma ilegal, de numeração raspada. Na casa do empresário foi apreendida uma arma e ele foi preso em flagrante. Os dois estão sendo levados para o Deic. A corregedoria da Polícia Militar também foi acionada.

A reportagem acionou a Secretaria de Segurança Pública (SSP), mas aguardava o retorno até a publicação.