Menina de 6 anos é internada em estado grave após ser espancada em Porto Real

Uma menina de 6 anos com sinais de espancamento deu entrada em estado grave, no início da tarde desta segunda-feira (dia 19), no Hospital Municipal São Francisco de Assis, em Porto Real.

A criança, que foi levada à unidade pela mãe, pode ter sido agredida pela madrasta, que foi presa em casa, no Jardim das Acácias, pela Polícia Militar.

Segundo a PM, guardas municipais que estavam no hospital acionaram à corporação assim que a criança deu entrada na unidade. Agentes se dirigiram a residência e encontraram a mulher, que foi apresentada na delegacia da cidade. A mãe da criança também foi encaminhada à delegacia.

Pela gravidade dos ferimentos, a menina teve que ser transferida para o Hospital de Emergência de Resende, que ainda não informou à respeito de seu estado.

De acordo com testemunhas, a criança apresentava até mesmo marcas de queimadura de cigarro. Até o momento desta publicação, não havia informações a respeito do que motivou as agressões. Além da polícia, o Conselho Tutelar também acompanha o caso.