Câmara de Vassouras, RJ aprova projeto que reconhece academiais de ginástica como essenciais

PL foi proposto por Zé Maria Capute (Foto: Divulgação)

A Câmara Municipal de Vassouras aprovou por unanimidade o Projeto de Lei n° 309/21, proposto pelo presidente da Casa, José Maria Capute, e que reconhece a prática da atividade e do exercício físico como essenciais para a população vassourense em tempos de crises ocasionadas por moléstias contagiosas ou catástrofes naturais.

De acordo com o PL, o funcionamento das academias fica autorizado enquanto durar a pandemia, com obrigatoriedade do cumprimento das medidas de prevenção, como fornecimento de álcool 70% em todas as áreas do estabelecimento; limpeza, higienização e desinfecção frequentes; uso de máscara facial; aferição de temperatura; distanciamento e sistema de ventilação adequado.

O projeto apresentado pelo vereador Zé Maria se baseou em pareceres técnicos de órgãos como Organização Mundial de Saúde, Ministério da Saúde, Associação Brasileira de Academias e Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício do Esporte que indicam a importância dos cuidados com a saúde física e mental para o fortalecimento do sistema imunológico e prevenção de doenças que tornam as pessoas mais suscetíveis a complicações da Covid-19. Os estudos também mostram que a prática de exercícios físicos reduz os níveis dos hormônios estressantes, tais como adrenalina, noradrenalina e cortisol, o que contribui para o bem estar das pessoas neste período de isolamento social.

O projeto de lei aguarda sanção do prefeito Severino Dias.