Deputada Márcia Lia consegue reativação do comitê de combate ao tráfico de pessoas no Litoral Norte de SP

Secretaria estadual de Justiça atende a pedido da deputada e de lideranças que trabalham no combate ao tráfico de pessoas para reativar comitê sediado em São Sebastião

A deputada estadual Márcia Lia conseguiu uma vitória importante, em conjunto com ativistas e lideranças do Litoral Norte paulista, na reativação do Comitê Regional de Combate ao Tráfico de Pessoas na cidade de São Sebastião, que atende ao Litoral Norte paulista.

A medida atende a um pedido feito em março, em reunião com a chefe de Gabinete da Secretaria da Justiça, Lucimara Paula, com a assessora do Núcleo de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas (NEFT), Verônica Freire, a jornalista Priscila Siqueira, de São Sebastião e a assessora parlamentar Cássia Gonçalves. O processo, agora, segue com a nomeação do Comitê.


Segundo a jornalista e ativista Priscila Siqueira, o comitê atuava em ações conjuntas dos agentes e polícias nos portos, aeroportos, rodoviárias e locais de grande circulação movimento para evitar o tráfico de pessoas, em especial mulheres, na região.

No ano passado, o NEFT recebeu 46 denúncias envolvendo um total de 90 possíveis vítimas. Com a pandemia houve aumento da vulnerabilidade econômica e social, o que impulsionou os casos de tráfico de pessoas. Mulheres e meninas são as principais vítimas.


“O assunto é de extrema gravidade. Essas pessoas sofrem todo o tipo de violência e nosso mandato vai se empenhar, em conjunto com a Secretaria da Justiça, ativistas e entidades de defesa de direitos humano, para levar ao assunto ao conhecimento da sociedade. Na história brasileira há a mancha da escravidão, que traficou negros e negras para trabalharem sem qualquer direito. Consideramos muito positiva a nossa reunião, porque há um direcionamento efetivo para enfrentarmos esse problema”, afirma a deputada Márcia Lia.


De acordo com o NEFT, a Secretaria da Justiça está em processo de reativação dos 14 Comitês Regionais de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas no estado.

Esses comitês são grupos de trabalho compostos por instituições do poder público e da sociedade civil com o objetivo de promover ações locais de enfrentamento, recebimento de denúncias e repressão ao crime. Na Assembleia Legislativa, a deputada Márcia Lia coordena a Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos Humanos.

Por Ascom