Com apoio da Polícia Militar, Força-Tarefa da Prefeitura de Caraguatatuba impede baile funk e bar é autuado

A força-tarefa da Prefeitura de Caraguatatuba, composta pelas Secretarias de Urbanismo (Postura), Saúde (Vigilância Sanitária Município e Estado), Fazenda (Comércio), Desenvolvimento Social e Cidadania (Conselho Municipal das Crianças e Adolescentes) e Conselho Tutelar, com apoio da Polícia Militar, impediu a realização de um baile funk marcado para a noite do último sábado (24) em um bar na Estrada do Rio Claro. O estabelecimento foi interditado.

As equipes receberam denúncia e foram até o local, quando ainda haviam poucas pessoas. Pulseirinhas foram recolhidas e bebidas manipuladas jogadas fora. O estabelecimento não tinha autorização para realizar o evento, por isso foi autuado em R$ 3.740 e interditado.

Do outro lado da estrada mais um bar foi atuado em R$ 7.480,00, por não possuir licença da Vigilância Sanitária para funcionamento e estar aberto após às 23h.

Durante todo o final de semana foram vistoriados cerca de 200 estabelecimentos comerciais, atendidas 17 denúncias de perturbação de sossego, abordadas mais de 60 pessoas nas feiras para o uso de máscara, e desmontadas quatro barracas de camping na praia.

A Fiscalização do Comércio abordou 25 ambulantes nas praias durante o dia e à noite, na Martim de Sá. Não é permitida a venda de bebidas alcoólicas em carrinhos.

Essa ação faz parte da força-tarefa contra fluxo/rolezinho que abordou 773 pessoas no centro e na Martim de Sá, atentando para o uso de máscara. O Conselho Tutelar atendeu 16 adolescentes no bairro e no bar interditado.

Por Radar Litoral