Miguel Pereira realiza evento Empoderadas, projeto em parceria com o Governo do Estado do Rio de Janeiro

Nesta quinta-feira (19), a Prefeitura de Miguel Pereira, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Habitação, realizou em parceria com o Governo do Estado, no Pavilhão de Eventos, a Fenart, o evento voltado para o empoderamento feminino chamado Empoderadas. Liderado pela Coordenadora do Projeto, Erica Paes, o evento, contou com workshop de prevenção e enfrentamento contra violência de meninas e mulheres, informações da Casa do Direito da Mulher,  da Patrulha Maria da  Penha, serviços de atendimento social e assistência jurídica da Faculdade de Miguel Pereira, com a Fundação Leão XIII com retirada de 2° via de documentos de identidade, certidão de nascimento, casamento e óbito, atendimentos jurídicos da Faculdade de Miguel Pereira, além de feira de adoção de animais, feira de beleza, entre outros serviços. 

Além disso, as secretarias envolvidas realizaram em conjunto várias atividades para o cidadão como aferição de pressão, controle diabetes, profissionais da área falando sobre assuntos de apoio à mulher, práticas de defesa pessoal jiu-jitsu e outros serviços. 

O projeto “Empoderadas”, que visa o combate à violência de gênero. Com o objetivo de informar às mulheres quais são as principais situações de risco e de que forma é possível sair delas, a iniciativa também vai promover a consciência dos direitos e as leis de proteção. As técnicas de defesa pessoal podem ser utilizadas em casos de tentativas de agressões físicas a que o público feminino está exposto em seu cotidiano, além de influenciar positivamente em sua dignidade, segurança e autoestima, sempre valorizando a integridade pessoal por meio do esporte.  A defesa pessoal ensina as mulheres a perceberem situações de risco e como agir, evitando o ataque iminente e se defendendo das agressões e assédios.  

Vale ressaltar que Miguel Pereira, através da Secretaria de Desenvolvimento Social e da Secretaria de Segurança, em parceria com o Governo do Estado inauguraram em junho de 2021, a Casa do Direito da Mulher Daniella Perez. O local oferece atendimento psicológico e jurídico, além do aluguel social, projeto de lei aprovado na Câmara Municipal de Vereadores, que oferece auxílio por seis meses, podendo ser prorrogado — uma maneira de as vítimas se restabelecerem. 

“Violência contra mulher é crime. Projetos como o Empoderadas nos permitem combater a impunidade. Através de ações como essa, ampliamos as possibilidades de denúncia pelas mulheres, desenvolvendo mecanismos de proteção para resguardar essas denunciantes e possibilitar punições mais rápidas para os agressores.”, disse o vice-prefeito Pedro Paulo Quinzinho, que abriu o evento. 

Por Louise Furtado | PMMP