Condenado a 9 anos de prisão por matar a esposa, homem é preso pela Polícia Civil ao chegar de lancha em praia de Ilhabela

Policiais civis de Ilhabela prenderam, no final da tarde de sexta-feira (8/10), na Praia Grande, região sul do município, um procurado da justiça por crime de homicídio, cometido em 2014 na cidade de Guarulhos (SP). Filipe José Vilela, 33 anos, foi condenado a 9 anos de prisão pelo assassinato de Graziele Borges da Silva, que na época do crime tinha 22 anos.

De acordo com a Polícia Civil, o criminoso estava escondido em uma casa no bairro Bexiga, também no sul da Ilha. Os policiais de Ilhabela receberam informações pelo Disque Denúncia e ficaram de campana por horas no local. Por volta de 17h50, o homem foi preso ao desembarcar de uma lancha no píer da Praia Grande, que fica próxima à residência.

Filipe foi levado para a Delegacia de Ilhabela, de onde seria transferido para o sistema prisional na manhã deste sábado.

O crime

O caso teve repercussão nacional. O corpo da jovem foi encontrado pendurado numa árvore as margens da Rodovia Fernão Dias. Ela teria descoberto que havia sido traída pelo marido e, durante uma briga, foi enforcada pelo assassino, que posteriormente levou o corpo para uma área de mata.

Por Radar Litoral