Caraguatatuba tem duas finalistas no Prêmio Tarsila do Amaral da Facesp

Duas mulheres sonhadoras, talentosas e realizadoras, Bruna Guimarães Prior e Regina Célia Ribeiro do Nascimento, representam Caraguatatuba no Prêmio Tarsila do Amaral, na categoria Empreendedora Revelação 2021.

Esse prêmio foi instituído pelo Conselho da Mulher Empreendedora e da Cultura da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) para homenagear as mulheres empreendedoras nas áreas da Cultura e da Arte, destacando valores como inovação, gestão e capacidade de transformação social.

#PraCegoVer Foto de Bruna Guimarães Prior. Ela está com uma blusa de crochê que foram desenhos de várias cores: branca, azul, vermelha, amarela, rosa. Ele está de cabelos castanhos escuros presos com um arranjo de flor azul e laranja. Atrás há uma parede pintada de preto com o desenho de um menino em giz branco (Divulgação)

Foi em meio à pandemia da Covid-19, com espetáculos suspensos, que a atriz e contadora de histórias Bruna Guimarães criou o projeto Plantadeira de Histórias. Privada das encenações e do público, a artista começou a ficar desassossegada e para não ficar parada, começou a fazer cursos à distância, promovidos pelo Senac e Sebrae sobre Economia Criativa e Empreendedorismo e ampliou os horizontes. Acostumada a contar histórias no palco, decidiu contar histórias atrás das câmeras.

“Aproveitei o “fique em casa”, pesquisei, investiguei e busquei outras alternativas, formas e meios para poder ressignificar a minha arte. Fiz dezenas de cursos e capacitações, participei de outras dezenas de palestras e congressos, me debrucei sobre pilhas livros e textos”, contou Bruna.

A primeira história nasceu da convivência com o sobrinho Davi Lucas, 6 anos. Por conta da pandemia e isolamento ele, um dia, soltou a seguinte frase: “Tia Bruna, tô com medo de morrer”.

“Isso foi um choque pra mim. Uma criança com medo de morrer? Então eu precisava fazer alguma coisa. Criei a história do Davi Lucas, um menino danado que deixava todo mundo de cabelo em pé para poder responder suas indagações a respeito da vida e da morte. Aí falei sobre a morte de uma forma lúdica e criativa, orgânica. Sobre o ciclo natural da vida. Joguei no canal do Youtube, uma professora minha do curso de Teatro, em Pidamonhangaba, viu, gostou e encomendou que fizesse uma história sobre o filho para presenteá-lo. Hoje já tenho quase 40 histórias contadas e interpretadas”, revelou.

A última empreitada de Bruna tem a ver com o povo e a cultura caiçara. Ao pesquisar histórias reais chegou ao mestre do fandango caiçara, Washington Garcez de Jesus (Ostinho de Ubatuba).

“Senti uma vontade imensa de entender sobre a cultura do meu povo e meu território e desenvolvemos o projeto Memória Caiçara, conectando os caiçaras de Caraguá e região para uma mostra de artesanato, literatura, música, dança, artes visuais e, principalmente, um bate papo sobre o que ainda nos resta de tradição cultural e como podemos fortalecer e resgatar o que se perdeu. Foram dois lindos encontros, ambos ocorreram em setembro e outubro deste ano e a Plantadeira de Histórias conseguiu formar uma rede de apoio, unindo setor público, privado e a comunidade caiçara da região”, declarou.

gina Célia Ribeiro do Nascimento. Ela tem cabelos curtos e grisalhos usa óculos com armação quadrada na cor preta. Usa blusa azul marinho com estampas com várias borboletas coloridas. Ao fundo uma parede de argila e sete enfeites de araras azuis e vermelhas empoleiradas em aros de madeira retorcida (Divulgação)

O outro projeto que também concorre na categoria Empreendedora Revelação é a Editora Fonte de Ideias, da multiprofissional Regina Célia Ribeiro do Nascimento.

Aos 67 anos, com ampla formação em áreas distintas como Administração, Psicologia, Pós-Graduação em Administração Hoteleira, Psicopedagogia, Psicologia dos Esportes, Gestão Social Sustentável e Políticas Públicas, a “jovem senhora” como gosta de se autodefinir, disse que depois de passar por tantas experiências profissionais, encontrou sua vocação: escrever e publicar livros.

“Foi um verdadeiro garimpo até descobrir o meu talento, que consiste na soma do aprendizado adquirido. Todos se tornaram ponte até chegar aqui. Descobri, finalmente, “o que vou ser quando crescer”. Hoje, minha profissão é ser coordenadora editorial e proprietária da Editora Fonte de Ideias, de Caraguatatuba, o lugar onde posso manifestar meus conhecimentos”, contou.

A Fonte de Ideias é uma editora independente, que preza por trabalhar com valores acessíveis a escritores com qualquer renda e tem como slogan “trazendo sonhos à tona”, que traduz a missão de possibilitar aos autores a transformação de seus escritos guardados na gaveta, em publicação do livro tão sonhado.

“Elaboramos os orçamentos de acordo com o que os autores estão dispostos a pagar. Para autores de baixa renda, realizamos reuniões com as profissionais para elaboração de orçamentos diferenciados. Também auxiliamos na criação e divulgação de arrecadação colaborativa de fundos para a publicação, quando o autor assim deseja. Temos uma equipe que partilha dos mesmos ideais em relação ao potencial transformador da literatura, e ao respeito às pessoas”, ressaltou Regina Célia.

De acordo com a coordenadora editorial, o foco é a publicação de livros de autores genuinamente caiçaras para resgatar e perpetuar a cultura local, rica e diversificada. Mas também publica livros de pessoas de outras cidades, sendo o contato entre a equipe e o autor, totalmente virtual.

“Nossa empresa defende os valores de sustentabilidade e consciência ambiental, portanto, entendemos que trabalhar com o público caiçara é também contribuir para a conservação ambiental e Educação Ambiental, tendo em vista que essa população tem suas raízes e cultura intrinsecamente fincadas nos ecossistemas marinhos, na Mata Atlântica e no ambiente como um todo, sendo agentes de preservação”, destacou.

Em dois anos, a editora atingiu a marca de 11 livros lançados e para 2022, a previsão é de publicar outras 10 obras.

A votação está aberta ao público pelo Instagram até a próxima terça-feira (16). Faça parte dessa história com um clique. Para votar na Plantadeira de Histórias é só clicar no link

https://www.instagram.com/p/CWDYx7yLMSF/?utm_medium=copy_link

Para votar na Editora Fonte de Ideias é só clicar no link

https://www.instagram.com/p/CWDZgeIrfX2/?utm_medium=copy_link

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Cookies settings
Accept
Privacy & Cookie policy
Privacy & Cookies policy
Cookie name Active

Who we are

Our website address is: http://agazetarm.com.br.

What personal data we collect and why we collect it

Comments

When visitors leave comments on the site we collect the data shown in the comments form, and also the visitor’s IP address and browser user agent string to help spam detection.

An anonymized string created from your email address (also called a hash) may be provided to the Gravatar service to see if you are using it. The Gravatar service privacy policy is available here: https://automattic.com/privacy/. After approval of your comment, your profile picture is visible to the public in the context of your comment.

Media

If you upload images to the website, you should avoid uploading images with embedded location data (EXIF GPS) included. Visitors to the website can download and extract any location data from images on the website.

Contact forms

Cookies

If you leave a comment on our site you may opt-in to saving your name, email address and website in cookies. These are for your convenience so that you do not have to fill in your details again when you leave another comment. These cookies will last for one year.

If you visit our login page, we will set a temporary cookie to determine if your browser accepts cookies. This cookie contains no personal data and is discarded when you close your browser.

When you log in, we will also set up several cookies to save your login information and your screen display choices. Login cookies last for two days, and screen options cookies last for a year. If you select "Remember Me", your login will persist for two weeks. If you log out of your account, the login cookies will be removed.

If you edit or publish an article, an additional cookie will be saved in your browser. This cookie includes no personal data and simply indicates the post ID of the article you just edited. It expires after 1 day.

Embedded content from other websites

Articles on this site may include embedded content (e.g. videos, images, articles, etc.). Embedded content from other websites behaves in the exact same way as if the visitor has visited the other website.

These websites may collect data about you, use cookies, embed additional third-party tracking, and monitor your interaction with that embedded content, including tracking your interaction with the embedded content if you have an account and are logged in to that website.

Analytics

Who we share your data with

How long we retain your data

If you leave a comment, the comment and its metadata are retained indefinitely. This is so we can recognize and approve any follow-up comments automatically instead of holding them in a moderation queue.

For users that register on our website (if any), we also store the personal information they provide in their user profile. All users can see, edit, or delete their personal information at any time (except they cannot change their username). Website administrators can also see and edit that information.

What rights you have over your data

If you have an account on this site, or have left comments, you can request to receive an exported file of the personal data we hold about you, including any data you have provided to us. You can also request that we erase any personal data we hold about you. This does not include any data we are obliged to keep for administrative, legal, or security purposes.

Where we send your data

Visitor comments may be checked through an automated spam detection service.

Your contact information

Additional information

How we protect your data

What data breach procedures we have in place

What third parties we receive data from

What automated decision making and/or profiling we do with user data

Industry regulatory disclosure requirements

Save settings
Cookies settings