“Ninguém quer colaborar como testemunha”, diz delegado de Cruzeiro, SP em relação aos homicídios

O número de casos de homicídios aumentou em Cruzeiro nos últimos anos. Desde 2019 é possível perceber a crescente, porém a taxa de esclarecimentos dos ocorridos também é alta. Cerca de 50% dos casos deste ano já foram resolvidos pela Polícia Civil.

Em entrevista ao jornalismo Mantiqueira, o delegado da DIG, Delegacia de Investigações Gerais, e da DISE, Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes, de Cruzeiro, Dr. Sandro Fraqueira, apontou os principais motivos dos crimes que vem assustando a população cruzeirense.

De acordo com o delegado, mais de 90% dos casos recentes de homicídios registrados no município recentemente são de pessoas envolvidas em crimes de alguma maneira. “Também é fato notório que está ocorrendo um conflito, há alguns anos atrás, principalmente entre dois bairros de Cruzeiro, com traficantes. Muitos deles já estão presos, até eu falei, agora recentemente, que a gente tinha prendido várias pessoas ligadas a um grupo, mês passado e retrasado prendeu do outro, falei: agora acho que vai dar uma diminuída; infelizmente não foi o que aconteceu.”, contou o Dr. Sandro.

“A gente tem grande dificuldade pelo seguinte: a pessoa pode ser assassinada e ela tem dez pessoas junto; ninguém viu nada, ninguém quer colaborar como testemunha, ninguém faz nada. Uma vítima de tentativa de homicídio chega, a pessoa sabe quem é o autor, mas eles não falam. Muitas vezes esses que acabam morrendo, já foram vítimas (de tentativa) duas, três vezes antes, só que não colaboram com a investigação, não querem falar. O que eles querem? Um dar tiro de um lado, outro vai dar tiro do outro. Familiares também muitas vezes não colaboraram com a investigação. Sabem quem é, não dão nenhum subsidio para a investigação. Mas apesar disso, a delegacia, a DIG aqui, tem um índice muito bom de esclarecimento. Nosso índice é em média 80%, tem ano que é 90% e até mais.” disse Dr. Sandro.

Em 2020 Cruzeiro registrou 32 homicídios de autoria desconhecida, desses, 29 foram esclarecidos, de acordo com o delegado. Neste ano o número de casos registrados já é maior do que o do ano anterior, sendo neste mês de novembro, contando o caso deste domingo (21), 34 homicídios registrados. Desses casos, 15 foram solucionados e outros cinco estão quase, faltando pequenos detalhes para conclusão.

Com relação a prevenção, o Dr. Sandro apontou a dificuldade em prevenir este tipo de crime, porém informou que o número de armas de fogo apreendidas pela Policia Civil e Policia Militar tem aumentado, gerando um tipo de prevenção. Como principal forma de ajuda, ele apontou as denúncias, que podem ser feitas até mesmo de maneira anônima. O Disque Denúncia é pelo número 181, a Polícia Civil pode ser acionada pelo 197 e existem também os telefones da DIG (3143-7253) e da DISE (3143-2010), de Cruzeiro.

Por: Rádio Mantiqueira

Foto: Rádio Mantiqueira

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Cookies settings
Accept
Privacy & Cookie policy
Privacy & Cookies policy
Cookie name Active

Who we are

Our website address is: http://agazetarm.com.br.

What personal data we collect and why we collect it

Comments

When visitors leave comments on the site we collect the data shown in the comments form, and also the visitor’s IP address and browser user agent string to help spam detection.

An anonymized string created from your email address (also called a hash) may be provided to the Gravatar service to see if you are using it. The Gravatar service privacy policy is available here: https://automattic.com/privacy/. After approval of your comment, your profile picture is visible to the public in the context of your comment.

Media

If you upload images to the website, you should avoid uploading images with embedded location data (EXIF GPS) included. Visitors to the website can download and extract any location data from images on the website.

Contact forms

Cookies

If you leave a comment on our site you may opt-in to saving your name, email address and website in cookies. These are for your convenience so that you do not have to fill in your details again when you leave another comment. These cookies will last for one year.

If you visit our login page, we will set a temporary cookie to determine if your browser accepts cookies. This cookie contains no personal data and is discarded when you close your browser.

When you log in, we will also set up several cookies to save your login information and your screen display choices. Login cookies last for two days, and screen options cookies last for a year. If you select "Remember Me", your login will persist for two weeks. If you log out of your account, the login cookies will be removed.

If you edit or publish an article, an additional cookie will be saved in your browser. This cookie includes no personal data and simply indicates the post ID of the article you just edited. It expires after 1 day.

Embedded content from other websites

Articles on this site may include embedded content (e.g. videos, images, articles, etc.). Embedded content from other websites behaves in the exact same way as if the visitor has visited the other website.

These websites may collect data about you, use cookies, embed additional third-party tracking, and monitor your interaction with that embedded content, including tracking your interaction with the embedded content if you have an account and are logged in to that website.

Analytics

Who we share your data with

How long we retain your data

If you leave a comment, the comment and its metadata are retained indefinitely. This is so we can recognize and approve any follow-up comments automatically instead of holding them in a moderation queue.

For users that register on our website (if any), we also store the personal information they provide in their user profile. All users can see, edit, or delete their personal information at any time (except they cannot change their username). Website administrators can also see and edit that information.

What rights you have over your data

If you have an account on this site, or have left comments, you can request to receive an exported file of the personal data we hold about you, including any data you have provided to us. You can also request that we erase any personal data we hold about you. This does not include any data we are obliged to keep for administrative, legal, or security purposes.

Where we send your data

Visitor comments may be checked through an automated spam detection service.

Your contact information

Additional information

How we protect your data

What data breach procedures we have in place

What third parties we receive data from

What automated decision making and/or profiling we do with user data

Industry regulatory disclosure requirements

Save settings
Cookies settings