ABIH-RJ promove primeira edição do ProCap em Angra dos Reis, Paraty, Mangaratiba e Itaguaí, RJ

Em dezembro, as cidades de Angra dos Reis, Paraty, Mangaratiba e Itaguaí receberão pela primeira vez o ProCap – Programa de Capacitação da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado do Rio de Janeiro (ABIH-RJ), voltado para os municípios do interior do estado. A inauguração oficial do programa acontecerá no dia 06/12, às 15h, no Salão de Convenções do Portobello Resort & Safari, localizado em Mangaratiba. Na programação da cerimônia de abertura, para a qual são esperadas 300 pessoas entre autoridades, profissionais e representantes do trade, está uma palestra jurídica voltada para hotelaria. Esta é a quarta região do interior do estado a receber o programa.

O ProCap Costa Verde ocorrerá entre os dias 05 e 09 de dezembro de 2021 e tem como objetivo promover capacitação, atualização, promoção e venda do destino desses municípios junto aos operadores do receptivo nacional e internacional, para que possam apresentar seus atrativos turísticos às agências de viagens e ao público final. A proposta é realizar uma aproximação entre as atrações locais e os principais representantes do segmento operador alcançando, consequentemente, os visitantes potenciais.

Após a abertura, haverá um encontro de negócios, em que os associados, parceiros do programa e secretarias de turismo apresentarão seus produtos aos participantes, em estandes montados no mesmo salão de convenções onde ocorrerá o workshop. Para potencializar o alcance dos inúmeros produtos que serão apresentados no dia, mais de 40 agentes de viagens e operadores de receptivo da ABAV-RJ e da BITO estarão presentes em um bate volta, por meio de um ônibus disponibilizado gratuitamente pelos organizadores e parceiros do programa.

No roteiro turístico previsto durante o ProCap, estrategicamente selecionado pelos parceiros, os convidados visitarão os principais atrativos culturais, naturais, comerciais e gastronômicos das cidades de Angra dos Reis e Paraty, tendo Mangaratiba e Itaguaí visibilidade por meio de estandes no dia da abertura oficial do evento.

Até o momento, 108 agências da capital já se inscreveram no programa, que também contará com a participação de influenciadores digitais, que evidenciarão o roteiro turístico em suas redes sociais e, com isso, darão maior visibilidade ao evento.

A iniciativa conta com o total comprometimento das quatro secretarias de turismo dos respectivos municípios, parceria da Fecomércio RJ e apoio da Secretaria de Estado de Turismo Setur-RJ) e da Companhia de Turismo do Estado do Rio de Janeiro (TurisRio), bem como das entidades privadas como o Sindicomércio da região, Paraty e Angra dos Reis C&VB, Portobello Resort & Safari, CIETH, ABAV-RJ, BITO, Viação Costa Verde, Viação Útil, Top Transfer, Paraty Tours, Barcos em Paraty e grande parte do segmento da hotelaria e empresários locais.

“Estamos todos unidos e trabalhando a questão da capacitação dos gestores municipais e toda a cadeia do turismo nas regiões. Oportunidades como o ProCap são fundamentais. A região turística da Costa Verde é uma das mais procuradas pelos turistas e proporcionar um atendimento de excelência é primordial para que o turista retorne e indique o destino para seus amigos e familiares”, diz o secretário de estado de Turismo, Gustavo Tutuca.

“Estamos trabalhando para fomentar o turismo em todas as regiões e municípios indutores da atividade do nosso estado. Nosso segmento foi muito afetado pela pandemia, merece essa retomada de forma estruturada e com a união da iniciativa privada e do poder público. O ProCap visa atingir não só a promoção e venda do destino mas, acima de tudo, fazer a economia local crescer gerando empregos”, afirma a superintendente da ABIH-RJ, Theresa Jansen.

“O Rio de Janeiro é a porta de entrada do turismo brasileiro. Nos últimos cinco anos, a atividade econômica do turismo na economia do Estado do Rio de Janeiro representou, em média, o dobro da média observada no Brasil, atingindo algo em torno de 4%, contra um registro próximo a 2% no âmbito nacional. E a região da Costa Verde possui uma riqueza natural e cultural pujante, que a credencia como um dos principais destinos turísticos do estado e do país. O ProCap será fundamental para o segmento e irá promover a promoção desse deslumbrante destino de viagem”, ressalta o presidente da Fecomércio RJ, Antonio Florencio de Queiroz Junior.

A primeira edição do ProCap no interior do estado aconteceu em Petrópolis, na Região Serrana, e foi um sucesso; a região turística do Vale do Café recebeu a segunda edição, enquanto que a terceira foi realizada nas cidades de Cabo Frio, Arraial do Cabo e Rio das Ostras. O programa possibilitará a capacitação de 12 operadoras de receptivo internacional. Os projetos ocorreram nos meses de maio, de agosto e outubro, além de contar com um roteiro turístico dos principais atrativos dos municípios, incluindo atrações culturais, naturais, comerciais e gastronômicas, e uma rodada de negócios.

A região da Costa Verde tem entre seus principais destaques o turismo. Angra dos Reis, por exemplo, é um dos cinco principais destinos do Estado do Rio de Janeiro e é apontada pelo Ministério do Turismo como um dos 65 Municípios Indutores do Turismo no Brasil. Já Paraty e Ilha Grande são consideradas patrimônio da humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco). É o primeiro local de cultura viva, e não apenas um sítio arqueológico, declarado “patrimônio misto” – cultural e natural – na América do Sul.

Safári com animais exóticos – Único no Brasil que oferece estrutura de praia e montanha em um mesmo complexo, sendo acessível por terra, água e ar, o Portobello Resort & Safári já é reconhecido por oferecer opções de lazer para o público de todas as idades. O empreendimento conta com 100% de suas acomodações com vista para o mar em mais de 1km de praia com a belíssima paisagem da Baía da Ilha Grande, na Costa Verde do Rio de Janeiro. Entre os destaques da propriedade está um safári com mais de 500 animais da fauna brasileira, europeia e africana, que vivem em harmonia e liberdade em uma área de 300 mil m2.