Acidente de trabalho mata homem em Varginha, MG

Cabo de aço se rompeu e gaiola de guindaste com cerca de 400 kg caiu em cima da vítima.

O cabo de aço de um guindaste se rompeu e a gaiola do equipamento matou um homem de 57 anos na manhã desta quarta-feira (1/12), em Varginha, no Sul de Minas. O acidente aconteceu em uma empresa de material de construção. O expediente foi suspenso em luto à vítima.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, um cabo de aço de uma ponte de rolamento se rompeu, fazendo com que uma gaiola se soltasse e caísse sobre a vítima. Os bombeiros informaram que a gaiola pesava aproximadamente entre 400 e 500 kg.

Ainda de acordo com os bombeiros, a gaiola estava a aproximadamente 10 metros de altura.

Segundo o procurador da empresa, Luciano Ferreira Lopes, o acidente aconteceu no começo do expediente. O homem estava arrumando o equipamento. “Ele era mecânico de manutenção, tudo aconteceu quando o trabalhador, Mauro Firmino, estava mexendo no equipamento. Imediatamente, acionamos o resgate, mas, infelizmente, não teve jeito. A lesão foi muito grande”, informou Lopes.

O procurador explica que o material estava em dia, com revisão atualizada, além de todas as exigências de segurança. “Foi uma fatalidade. Em 35 anos de empresa, isso nunca aconteceu. Ele era um trabalhador antigo. Não sabemos o que causou o acidente. A perícia esteve no local”, ressalta.

O corpo de Mauro foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Varginha. Segundo o procurador, uma psicóloga da empresa vai atender a família da vítima. “Ele era casado e tem um filho que mora no exterior”, explica.

Ainda de acordo com o procurador, o expediente desta quarta-feira (1/12) foi suspenso em luto ao trabalhador. “O dono da empresa estava aos prantos. Uma empresa muito antiga e a maioria dos trabalhadores estão no local há muito tempo.”

Fonte: Estado de Minas