Notícias

Investimento em qualificação profissional: Parceria Firjan e Prefeitura de Piraí, RJ

Por Ascom PMP

Na noite de quinta-feira, dia 2, foi marcada por um momento significativo para a cidade de Piraí: a aula inaugural do curso de capacitação e qualificação profissional, resultado de uma sólida parceria entre a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, e a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). Com o objetivo de preparar 60 alunos para o mercado de trabalho, o curso oferece formação nas áreas de assistência administrativa e operações em logística.

A cerimônia de abertura foi prestigiada por autoridades municipais, incluindo os secretários de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Miguel Barbosa, e de Ciência e Tecnologia, Renan Augusto. A presença da pedagoga Fernanda Belchior, representante do Senai, e Ana Cristina Lima, diretora do Ceamtec, evidencia a importância da colaboração entre instituições para promover o desenvolvimento profissional e econômico da região. Para Miguel Barbosa, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, fornecer qualificação profissional tem sido uma das prioridades do atual governo municipal.

“Mais do que uma simples capacitação, este curso representa uma oportunidade real de transformação na vida desses 60 alunos”, enfatizou Barbosa. “Estamos empenhados em fornecer as ferramentas necessárias para que eles se tornem profissionais qualificados e contribuam para o desenvolvimento econômico de nossa cidade.”

O prefeito Dr. Ricardo Passos destaca a importância da qualificação profissional, uma exigência cada vez mais constante do mercado de trabalho. “Nos últimos três anos e meio, Piraí testemunhou a instalação de 21 novas empresas, duas delas operando online, e um total de 56 empresas nos polos empresariais de 2023, incluindo marcas como Softys Brasil, ProvetS e Usina de Asfalto Mottasul. Essas iniciativas geraram mais de 1.000 novos postos de trabalho, proporcionando oportunidades de emprego e crescimento à população local”, listou Dr. Ricardo Passos.